terça-feira, setembro 18, 2018
Home > Concurso > PGE-PE abre concurso para preencher dez vagas de procurador do Estado

PGE-PE abre concurso para preencher dez vagas de procurador do Estado

A Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) vai abrir realizar um concurso para o preenchimento de dez vagas de procurador do Estado e formação de cadastro de reserva. O vencimento é de R$ 13.648,64 referentes a 30h semanais de trabalho. É exigido que o candidato seja bacharel em Direito, portador de diploma expedido por instituições reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC), esteja inscrito na Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB) e não possua antecedentes criminais.

As inscrições, no valor de R$ 210,00, serão realizadas de 23 de janeiro a 2 de fevereiro no site do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). O edital pode ser consultado na página da PGE-PE.

O concurso será realizado em três fases, todas no Recife. A primeira é uma prova objetiva de 100 questões, de caráter eliminatório e classificatório. A segunda etapa é uma prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, que consistirá na elaboração de um parecer de até 60 linhas e de uma peça processual de até 90 linhas sobre o tema apresentado. As provas objetiva e subjetiva serão realizadas nos dias 17 e 18 de março, respectivamente, com duração de cinco horas, cada.

A terceira fase da seleção é a avaliação de títulos, de caráter classificatório. Entre os títulos a contar pontuação estão: pós-graduação em nível de doutorado, mestrado ou especialização; título de professor em Direito havido em concurso público; livro, de autoria individual, no âmbito da ciência jurídica; trabalhos publicados em periódicos especializados; arrazoados forenses; e exercício, por mais de um ano, de cargo, emprego ou função de natureza jurídica em entidades públicas, inclusive cargos em comissão e empregos temporários.

Candidatos transgênero poderão solicitar, no momento da inscrição, a utilização do nome social durante a prova, entretanto, nas publicações será utilizado o nome e o gênero constantes no registro civil.

As candidatas que tiverem de amamentar durante o exame, deverão informá-lo na inscrição para que possam levar um acompanhante adulto que ficará numa sala reservada e será responsável pela guarda da criança.

Fonte: Blog dos Concursos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *