sexta-feira, novembro 16, 2018
Home > Destaque > Motorista de ônibus perde controle, sobe calçada e mata dois pedestres em Itapissuma

Motorista de ônibus perde controle, sobe calçada e mata dois pedestres em Itapissuma

Do G1-PE

Um acidente envolvendo um ônibus deixou duas pessoas mortas, na madrugada desta quarta-feira (3), em Itapissuma, no Grande Recife. De acordo com o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), da Polícia Militar de Pernambuco, o motorista de um coletivo perdeu o controle, subiu a calçada e atropelou os pedestres.

O atropelamento ocorreu por volta das 4h50, na Rodovia PE-35, perto da Guarda Municipal de Itapissuma. O ônibus, da Empresa Itamaracá, fazia a linha Igarassu/Paulista e seguia na faixa da direita, sentido Itamaracá, quando o motorista perdeu o controle.

O coletivo atravessou a contra-mão, subiu na calçada, bateu em uma árvore e então atingiu os dois pedestres. Os corpos deles foram jogados contra o meio-fio. Ambas as vítimas morreram no local, com esmagamento do crânio e exposição da massa encefálica.

As vítimas são Ateniston do Carmo Tenório, de 41 anos, e Josivaldo Barros Dias, de 47 anos. Os dois são moradores do Loteamento Criança, em Itapissuma, e estavam na parada de ônibus, aguardando o coletivo da mesma linha para ir ao trabalho.

Segundo um colega, o gestor de segurança do trabalho Antonio Mozart, Ateniston é funcionário da Celpe, e trabalha na área de montagem da eletricidade da Região Metropolitana do Recife. “Ele era um funcionário jovem, entrou na empresa em agosto do ano passado”, conta. Ainda de acordo com Mozart, a empresa está prestando assistência funerária e social à família.

A polícia informou, ainda, que o motorista fugiu do local do acidente, ao ser ameaçado por populares. Em seguida, ele se apresentou na Delegacia de Polícia de Paulista, onde prestou depoimento e foi liberado.

Segundo a irmã do condutor, Sivania Dias Marques, ele trabalha há sete anos como motorista de ônibus, sempre na mesma empresa, e nunca se envolveu em nenhum acidente. Essa seria a primeira viagem que ele realizava no dia. “Nunca aconteceu nenhum acidente com ele, nem mesmo leve. Ele passou mal na direção, conforme soubemos. Foi uma fatalidade. A gente não quer isso para ninguém”, afirmou. Ele não quis dar entrevistas.

Segundo o Instituto de Criminalística (IC), que realizou perícia no ônibus no local do acidente, não houve falha mecânica no coletivo. “O veículo estava em perfeito estado, tanto a parte mecânica, quanto freios. Sem nenhuma falha”, afirmou o perito criminal André Botelho.

Para ajudar nas investigações, a perícia vai contar com imagens das quatro câmeras de monitoramento do ônibus, que conseguem mostrar o motorista, o cobrador, o corredor do ônibus e a parte frontal do veículo. “A câmera do motorista e a frontal são as mais importantes para a perícia”, afirma André Botelho.

Após passar por perícia, o ônibus foi liberado para funcionamento e encaminhado para a garagem da empresa. A empresa de ônibus informou que vai liberar as imagens das câmeras ainda nesta quarta-feira (3).

Por meio de nota, o consórcio Conorte, que reúne empresas de ônibus na Zona Norte do Grande Recife, lamentou o acidente. Informou que aguarda pela conclusão das investigações e disse que o motorista que conduzia o ônibus tem sete anos de empresa, mantendo, ao longo desse tempo, um ótimo desempenho nas suas funções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *