quarta-feira, setembro 19, 2018
Home > Artigos > Mesmo condenado e preso, Lula emplaca artigo no “The New York Times”

Mesmo condenado e preso, Lula emplaca artigo no “The New York Times”

O ex-presidente Lula, mesmo condenado pela Justiça a 12 anos de prisão, conseguiu emplacar nesta terça-feira um artigo num dos mais influentes jornais do mundo: o “The New York Times”.

No artigo, intitulado “Eu quero democracia e não impunidade, o ex-presidente afirma diz que não está pedindo à Justiça brasileira para estar acima da lei “mas um julgamento justo e imparcial”.

Segundo ele “essas forças de direita me condenaram, me prenderam, ignoraram a esmagadora evidência de minha inocência, e me negaram habeas corpus apenas para tentar me impedir de concorrer à Presidência da República. Eu peço respeito pela democracia. Se eles querem me derrotar de verdade, façam nas eleições. Segundo a Constituição brasileira, o poder vem do povo, que elege seus representantes. Então, deixe o povo brasileiro decidir”, diz um dos trechos do artigo.

Afirma também que “há um golpe de direita em andamento no Brasil, mas a justiça prevalecerá”, lembrando que quando ganhou a eleição pela primeira vez o mercado financeiro se abalou, mas o crescimento econômico que se seguiu tranquilizou o empresariado.

“Meu encarceramento foi a última fase de um golpe em câmera lenta destinado a marginalizar permanentemente as forças progressistas no Brasil”, diz o artigo do ex-presidente, que também faz críticas ao presidente Michel Temer e ao juiz Sérgio Moro.

Fonte: Inaldo Sampaio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *