Carnaval muda itinerário de linhas de ônibus na Av. Dantas Barreto

A partir deste sábado (24), linhas de ônibus que circulam no pela Avenida Dantas Barreto, no bairro de São José, terão itinerários alterados e paradas transferidas desativadas. As modificações irão ocorrer por conta da montagem da estrutura para o Carnaval 2015.

Alterações começam a valer a partir das 9h e seguem até o fim da folia. Para mais informações os usuários podem entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente através do número: 0800.081.0158.

Compartilhe essa notícia:

    Enseada, Carneiros e Boa Viagem entre as praias mais limpas do Estado

    As praias pernambucanas estão sempre bem classificadas nos rankings que definem os melhores destinos de sol e mar do Brasil. Enseada dos Corais, no Cabo de Santo Agostinho, por exemplo, além das belas paisagens pode se orgulhar de estar no topo das localidades mais indicadas para o banho, de acordo com o Programa de Monitoramento de Qualidade das Praias de Pernambuco.

    O estudo da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) é realizado periodicamente em 50 pontos da costa, abrangendo 11 municípios litorâneos situados em três regiões geográficas do Estado.

    Empatadas no primeiro lugar das praias mais limpas, junto com Enseada dos Corais, estão as de Carneiros (em frente ao condomínio Pontal dos Carneiros), em Tamandaré, Litoral Sul do Estado, e de Boa Viagem (em frente à pracinha), na Zona Sul do Recife.

    Mesmo sendo urbana, o que normalmente a tornaria mais poluída e imprópria para o banho, a CPRH avaliou como excelente a balneabilidade – que se entende como um contato direto e prolongado com a água – pelos menos outros quatro pontos da praia de Boa Viagem, especificamente aqueles em frente aos postos 8, 10, 14 e 15 do Corpo de Bombeiros.

    O ranking dos locais mais indicadas aos banhistas nos 187 km de costa do Estado segue com a Praia de Ponta de Serrambi (no pontal), em Ipojuca, e Tamandaré (na altura do hotel Marinas de Tamandaré), no município de mesmo nome. Destino de turistas de todo o mundo, Porto de Galinhas, em Ipojuca, também foi bem avaliada, principalmete no trecho localizado em frente à Escola Manuel L. C. Uchoa, em Ipojuca.

    Outro destaque entre as praias urbanas é a de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, na Grande Recife, em especial no trecho que fica na altura do Hospital da Aeronáutica. A limpeza da água está no mesmo patamar da praia de Guadalupe, próximo ao estuário de Rio Formoso, em Sirinhaém, e da praia de São José da Coroa Grande, em frente à Rua da Matriz, no município de São José da Coroa Grande.

    As localidades que encerram a lista de melhores praias, no quesito balneabilidade, segundo a CPRH, são as do Pina, em frente ao Posto 4, e a região que fica em na altura da Rua Miguel Arcanjo, em Jaboatão, referente mais uma vez à Piedade.

    O levantamento feito pela CPRH desde 1974 abrange os município de Goiana, Itamaracá, Paulista, Olinda, Recife, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Sirinhaém, Tamandaré e São José da Coroa Grande. A classificação das praias está baseada nas normas estabelecidas na Resolução Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) nº20/86, que define padrões de qualidade da água destinada à recreação – prática de mergulho, natação, esqui aquático e onde existe a possibilidade de ingestão de quantidades consideráveis de água.

    PRAIAS IMPRÓPRIAS – Semanalmente, a CPRH também disponibiliza no seu site a listagem das praias pernambucanas que estão consideradas impróprias para o banho. Confira abaixo:

    » Em Itamaracá:
    Praia de Jaguaribe, em frente à Rua Santina de Barros;

    » Em Paulista:
    Praia de Pau Amarelo, em frente ao Forte de Pau Amarelo;
    Praia do Janga, em frente à Rua Betânia;

    » Em Olinda:
    Praia de Casa Caiada, em frente à Av. Ministro Marcos Freire Nº 3861;
    Praia de Bairro Novo, em frente ao Quartel da PE;
    Praia de Bairro Novo, por trás do Colégio Bairro Novo;
    Praia do Farol, em frente à Rua do Farol;
    Praia do Carmo, por trás dos Correios;
    Praia dos Milagres, em frente à Praça dos Milagres.

    Em Recife:
    Praia do Pina, em frente ao Iate Clube;
    Praia do Pina, nas proximidades do Cassino Americano;

    Em Sirinhaém:
    Praia de Barra de Sirinhaém, em frente à Escola Municipal Leonildo da Silva;
    Praia de Barra de Sirinhaém, em frente ao Loteamento Ondas da Barra;

    Do NE10

    Compartilhe essa notícia:

      Marília Arraes critica Paulo Câmara por aumento das passagens na Grande Recife

      Marília ArraesNeta do ex-governador Miguel Arraes, a vereadora do Recife Marília Arraes (PSB) criticou o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), pelo aumento na tarifa das passagens de ônibus na Região Metropolitana do Recife (RMR).

      Através da sua página no Facebook, a vereadora comparou a promessa de campanha de Paulo Câmara de que o Grande Recife Consórcio teria uma tarifa única de R$ 2,15 com o aumento do Anel A para R$ 2,45 nos primeiros dez dias de gestão.

      “Qual será a próxima promessa vazia, que será levada pelo vento?”, questiona a vereadora.

      “Pra mim, aberrações assim podem se dever a diversos fatores, eis algumas opções: má fé, absoluta inexperiência, desespero pela falta de um líder, falta de compromisso com o povo e excesso de compromisso com os setores que detêm o capital”, critica Marília Arraes.

      A socialista dispara, inclusive, contra o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), de quem foi secretária de Juventude.

      “Some-se a isso um prefeito com igual incapacidade, altamente omisso – principalmente nas questões de transporte, do alto de sua posição de sócio do consórcio metropolitano”, alfineta.

      Marília Arraes disse que os pernambucanos têm o dever de não permitir que “tamanhos absurdos” sejam feitos sem ser “altamente combatidos”.

      Ela também lista as hashtags #promessavazia #ventoleva#acordaPernambuco e #SóVotoEmQuemTemNomeSobrenomeEUmaHistoria.

      Na eleição do ano passado, Marília Arraes apoiou a campanha do agora ministro do Desenvolvimento Armando Monteiro Neto (PTB) para governador e da presidente Dilma Rousseff (PT) para presidente; em detrimento da candidatura presidencial do próprio primo Eduardo Campos, que faleceu em agosto.

      A vereadora esperava disputar o mandato de deputada federal pelo PSB, mas foi rifada da disputa por Eduardo. Ela pode se desfilar do partido para poder disputar a reeleição na Câmara do Recife.

      Foto: reprodução do Instagram de Armando Monteiro

      Compartilhe essa notícia:

        Prefeituras de Olinda e Recife firmam convênio de livre circulação de táxis

        Taxi_Informe-PE

        Com o objetivo de atender a alta demanda de passageiros durante o carnaval, as prefeituras do Recife e Olinda firmaram um convênio de livre circulação de táxis durante o período de carnaval. Ele vai permitir que os veículos cadastrados nos municípios embarquem passageiros e tenham livre circulação e estacionamento, inclusive nos pontos de táxi. O convênio acontece entre os dias 10 de janeiro até o dia 18 de fevereiro.

        Em caso de dúvida, o taxista ou usuário pode entrar em contato com a CTTU através do 0800 081 1078.

         Confira mais informações na reportagem de Fernando Lima:



        Da CBN Recife

        Compartilhe essa notícia:

          Estudo da CPRH aponta 13 praias consideradas impróprias para banho em PE

          Estudo da CPRH aponta 13 praias consideradas impróprias para banho em PE

          Treze praias do litoral pernambucano foram consideradas impróprias para banho pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH). O Estado teve 47 pontos monitorados e em 18 trechos foi verificado altos índices de coliformes fecais. A Praia de Boa Viagem, bastante frequentada também por turistas, está fora da lista. Os problemas do local são os chuveiros que estão contaminados.

          Um dos trechos citados no relatório da pesquisa fica em frente à Rua Betânia, no bairro do Janga, em Paulista. Muitas residências do bairro despejam o esgoto direto nas águas da orla. A coloração esverdeada indica que o local apresenta problemas de saneamento. A Agência Estadual de Meio Ambiente também identificou pontos impróprios para banho em Itamaracá, Jaboatão dos Guararapes, Recife, Sirinhaém, São José da Coroa Grande e Olinda. 

          Os locais mais críticos, de acordo com o estudo, ficam em Olinda. Um deles está localizado próximo ao Hospital Esperança, no bairro de Casa Caiada, e o outro perto da agência dos Correios, no bairro do Carmo. Nessas praias os banhistas precisam dividir espaço com embalagens plásticas e caixas de isopor, além da poluição da água.

          Confira os locais impróprios para banho, segundo a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH): 

          OLINDA
          Praia de Rio Doce (próximo à foz do Rio Doce e a entrada do bairro)
          Praia de Casa Caiada (na altura do número 3861 e o Hospital Esperança)
          Praia de Bairro Novo (perto do antigo quartel e da Facottur)
          Praia do Farol
          Praia do Carmo (por trás da agência os Correios)

          PAULISTA
          Praia de Maria Farinha
          Praia de Pau Amarelo
          Praia do Janga

          DEMAIS LOCALIDADES
          Praia da Ilha de Itamaracá (trechos de Jaguaribe)
          Praia do Pina, Recife
          Praia de Candeias, Jaboatão dos Guararapes
          Barra de Sirinhaém, Sirinhaém
          Praia de São José da Coroa Grande

          Da TV Jornal

          Compartilhe essa notícia:

            Prefeito veta projeto de lei sobre transparência

            geraldojulioAprovado por unanimidade na Câmara do Recife, o Projeto de Lei 280/2014 que busca mais dar mais transparência à concessão de diárias aos servidores da administração direta e indireta da Prefeitura do Recife, foi vetado pelo prefeito Geraldo Julio (PSB). O ofício que informa oficialmente sobre a decisão foi publicado no Diário Oficial do dia 30 de dezembro.

            O projeto determina que a administração municipal publique mensalmente no site da Prefeitura a lista das diárias concedidas no período, especificando dados, a exemplo do nome do servidor, valor concedido e itinerário. Foram gastos no ano passado, de acordo com dados do Portal da Transparência da PCR, R$ 541,9 mil com gastos do tipo. A matéria determinava que a publicação seria feita até o último dia do mês subsequente ao de utilização das diárias.

            A matéria é de autoria da vereadora Priscila Krause (DEM), que considerou o veto um “retrocesso”. “Esse foi um projeto de lei aprovado por unanimidade, chancelado pelas comissões da Casa, e inspirado em iniciativas semelhantes já em voga em outras capitais brasileiras. Não se trata de uma luta contra as diárias, que são necessárias ao bom andamento da administração, mas apenas um aperfeiçoamento da transparência. Essa é uma luta que a Prefeitura encampa no discurso, mas que deveria encampar na prática também”, disse.

            No texto publicado no Diário Oficial, o prefeito Geraldo Julio comunica que veta totalmente o projeto. No documento, o gestor justifica que “a importância do Princípio Constitucional da Publicidade foi consagrada nos artigos 63 e 67 na nossa Lei Orgânica”. Diz ainda que a Lei Federal nº 12.527/2011 regula o acesso a informações com o fim de garantir o acesso a informações e que, neste sentido, também foi editada a lei municipal nº 17.866/13, com objetivo de transparência na Administração Pública.

            “Subordinam-se ao regime daquela Lei os órgãos públicos integrantes da Administração direta do Poder Executivo Municipal, as autarquias, as fundações públicas, as empresas públicas, as sociedades de economia mista e as entidades controladas, direta ou indiretamente, pelo Município do Recife e vinculadas ao Poder Executivo Municipal. Sob o aspecto da competência em dispor sobre a matéria, a análise jurídica aponta uma inconstitucionalidade formal, uma vez que proposta de organização administrativa é de competência privativa do Chefe do Executivo, de acordo com o art. 54, VI, da LOMR e da Lei nº 17.866/2013”, afirma o texto.

            Do Blog da Folha

            Compartilhe essa notícia:

              Segunda é o último dia para confirmar matrícula na rede municipal de ensino do Recife

              Esta segunda-feira (5) é o último dia para a confirmação de matrícula dos novos alunos que reservaram na internet as vagas nas escolas e creches da rede municipal de ensino do Recife.

              Para confirmar a vaga, o aluno ou responsável precisa apresentar na escola onde estudará o comprovante da reserva de matrícula online, original e cópia da Certidão de Nascimento ou RG, Carteira de Vacinação, cópia do cartão do SUS, cópia do comprovante de residência, documento de transferência da escola de origem e duas fotos 3×4 recentes. Quem tiver dúvidas sobre o processo pode entrar em contato pelo telefone 0800 200 6565, das 7h às 18h.

              As vagas são para as turmas de ensino fundamental e educação de jovens e adultos (EJA).

              Compartilhe essa notícia:

                Opção de lazer no Recife, Parque Dois Irmãos pode ser interditado

                Uma boa opção de lazer durante as férias escolares no Recife é o Parque Dois Irmãos, na Zona Norte da cidade. Na manhã deste domingo (4), o zoológico da capital pernambucana recebeu vários visitantes, que se encantavam com a fauna e a flora do local.No entanto, a situação do Horto é difícil. O espaço está sob risco de interdição pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE). O motivo seria a falta de manutenção nas jaulas e os maus-tratos aos animais. Com informações da Rádio Jornal.

                Compartilhe essa notícia:

                  Apagão deixa diversos bairros do Recife e Interior às escuras

                  Um grande apagão tomou conta da Região Metropolitana do Recife (RMR), Zona da Mata e Agreste do Estado, no fim da noite desta quarta-feira (17). O problema começou por volta das 23h, deixando diversos bairros às escuras, com várias localidades ainda sofrendo sem energia elétrica. Clarões foram vistos no momento da queda e vários sinais de trânsito se apagaram. Segundo informações que circularam nas redes sociais, o problema também chegou no estado da Paraíba. Na ocasião, um estrondo foi ouvido no bairro do Curado, em Jaboatão do Guararapes, e nas imediações da imediações da avenida Abdias de Carvalho, próximo à subestação da Companhia Hidrelétrica de São Francisco (Chesf).

                  Na RMR, alguns dos afetados foram os bairros de Boa Viagem, Setúbal, Bairro do Recife, Cavaleiro, Totó, Aflitos, Cordeiro, Prado, Ipsep, Afogados, Candeias, Bongi, Imbiribeira, Várzea e Janga. Outros bairros onde houve relatos de falta de energia, mas que logo foram normalizados foram os de Tamarineira, Parnamirim, Boa Vista, Soledade e Casa Forte. 

                  No bairro de Curado I, o morador José Aureliano Pedro, de 43 anos, disse ter acordado por volta das 23h com um grande barulho. “Ouvi um estrondo. Foi muito alto. Então, todo mundo acordou e depois quando saímos, vimos um fio no chão e o pessoal ficou preocupado, inclusive teve gente até passando mal. Aí ligamos para a Celpe, e depois de meia hora chegou um carro da companhia e um dos Bombeiros”, relatou o Aureliano.

                  O incidente foi causado por problemas em duas subestações da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), Bongi e Joairam, que fica perto do Curado. A Chesf não confirmou se houve explosão, o que pode ter ocasionado os clarões vistos no céu, mas informou que enviou equipes ao local para averiguar a situação.

                  Segundo a Operadora Nacional do Sistema (ONS), o problema não se tratou de um incidente grave. “É uma ocorrência normal no sistema, não estrutural. Já o que ocorreu na Paraíba, foi consequência do que ocorreu no Recife, mas, a situação por lá foi logo normalizada”, explicou uma fonte órgão, em reserva. Segundo ele, até o início da madrugada desta quinta-feira (18), as cargas já estavam sendo recompostas nas subestações afetadas em Pernambuco, e a energia estava voltando gradativamente.

                  Da Folha de Pernambuco

                  Compartilhe essa notícia:

                    Mesa Diretora da Câmara do Recife é eleita

                    A nova Mesa Diretora da Câmara do Recife foi eleita nesta quarta-feira (17) e manteve dois dos seus principais cargos. O presidente Vicente André Gomes (PSB) e o primeiro secretário Augusto Carreras (PV) continuarão nos cargos. O grupo estará à frente da Casa nos próximos dois anos.

                    O restante do grupo será composto por Eduardo Marques do PTB (primeiro vice-presidente); Henrique Leite do PT (segundo-vice); Edmar de Oliveira do PHS (terceiro vice); Eriberto Rafael do PTC (segundo secretário); Aline Mariano do PSDB (terceira secretária); Felipe Francismar do PSB (primeiro suplente); e Aderaldo Pinto do PRTB (segundo suplente).

                    Com a retirada dos nomes dos vereadores Marco de Bria (PT do B) e Jadeval de Lima (PTN) houve apenas uma chapa escrita.

                    Com informações da repórter Isabella Fabrício, da Folha de Pernambuco

                    Compartilhe essa notícia:

                      Recife recebe primeiro centro para tratamento de dores crônicas

                      O Hospital Memorial São José inaugurou, nesta terça-feira (16), o primeiro centro multidisciplinar para tratamento da dor no Recife, o Cendor. A novidade é um avanço no cenário médico da cidade, pois, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que 30% da população mundial sofra com dores crônicas; só no Brasil, cerca de 60 milhões de pessoas sofrem com o problema.

                      O Cendor será composto por duas partes, um ambulatório e um centro de monitoramento para os pacientes da unidade de saúde. No ambulatório, os pacientes serão atendidos por uma equipe multidisciplinar especializada no tratamento da dor, com atendimentos clínicos e procedimentos cirúrgicos. Os pacientes internados no Memorial São José receberão monitoramento contínuo dos sintomas, para promover o melhor tratamento.

                      O Hospital Memorial São José fica na Avenida Agamenon Magalhães, 2291, no bairro do Derby, área central do Recife.

                      Compartilhe essa notícia:

                        Confirmação de matrículas nas escolas e creches do Recife termina nesta quarta

                        Encerra nesta quarta-feira (17) o período de confirmação de matrícula de alunos que fizeram reserva de vagas nas escolas, creches e creches-escolas do Recife. Quem não cumprir esta etapa perderá automaticamente a vaga reservada na internet para as turmas de Educação Infantil, Ensino Fundamental I e I e Educação de Jovens, Adultos e Idosos (EJA).

                        O estudante ou responsável precisa apresentar a documentação na escola em que a vaga foi reservada. É preciso levar comprovante da matrícula online (ou o número do protocolo), original e cópia da certidão de nascimento ou RG, carteira de vacinação, cópia do cartão do SUS, cópia do comprovante de residência, documento de transferência da escola de origem, além de duas fotos 3×4 recentes.

                        Das 22.468 vagas ofertadas, cerca de 14 mil foram reservadas. A previsão é de que a Rede Municipal de Ensino do Recife tenha um total de 91.299 alunos no ano letivo de 2015, distribuídos em 306 unidades de ensino. Este ano, foram oferecidas 1.087 vagas a mais do que nas matrículas do ano passado.

                        Quem não fez reserva na etapa online terá uma nova oportunidade de garantir a vaga para 2015. A partir da próxima segunda-feira (22) até o dia 29, a Secretaria de Educação do Recife vai reabrir a matrícula online com vagas remanescentes através do site Matrícula Online.

                        Quem não tiver internet em casa pode acessar, de segunda a sexta, o computador de uma das 36 escolas municipais de Ensino Fundamental II e nas 18 Unidades de Tecnologia na Educação (Utecs). As unidades só não estarão abertas nos dias 24 e 25 por conta do Natal, mas o site continuará no ar para quem puder acessá-lo durante o período, assim como no fim de semana.

                        Os endereços das escolas estão disponíveis no site de matrículas e também podem ser consultados pelo telefone 0800.200.6565. Quem tiver dúvidas pode ligar das 7h às 18h, de segunda a sexta-feira, durante todo o período de matrículas. Dez funcionários fazem o atendimento, sendo cinco pela manhã e cinco à tarde. Outra opção é enviar e-mail para matriculaonline@recife.pe.gov.br.

                        Compartilhe essa notícia:

                          Decoração de Natal no Litoral Norte é precária

                          Renildo Calheiros (PCdoB) Informe-PEA maioria das cidades que fazem parte do Litoral Norte de Pernambuco, não vai ganhar decoração de Natal. Essa é uma historia que todos já conhecem. A falta de sentimento por parte dos poderes executivos e secretários, de nem se quer planejar uma campanha natalina na cidade onde tentam administrar.

                          A moradora Maria Fatima, que reside há 33 anos na cidade de Olinda, comenta que em toda a beira mar, não ver uma lâmpada se quer piscando nos pontos turísticos. “O nosso prefeito não vem fazendo uma boa administração parece até que ele não mora aqui e não ver televisão”. Concluiu a moradora.

                          Já em Paulista as reclamações aumentam por parte dos habitantes, os mesmos reivindicam que a cidade das chaminés está perdendo sua historia. “Antigamente tínhamos o melhor Natal, melhor até do que, o de Recife e com esse atual prefeito não sabemos o que significa isso há anos” Comentou a senhora Helena Maria, moradora do bairro do Nobre. A senhora ainda fala que, se não tivessem as igrejas seria bem pior, por que não teria nada realmente para celebrar ou se quer olhar no mês de dezembro.

                          Nas cidades vizinhas como Abreu e Lima, Igarassu, Ilha de Itamaracá e Goiana o problema é o mesmo, não se ver muito interesse por parte dos seus administradores, nem ao menos uma pequena ornamentação para o embelezamento da cidade. Compreendemos que a verba sempre é pequena, que nunca tem dinheiro para ser investido, que o governo estadual e federal não chega junto! Será? Mas quando se tem interesse no trabalho com certeza consegue-se colher bons resultados.

                          Vemos a cidade do Recife, foi gasto muito dinheiro para a animação natalina, primeiro por que a cidade merece e é capital de Pernambuco, segundo a maioria de seus investimentos este ano foi feito com materiais reciclados para baratear o serviço e melhorar o meio ambiente. Perguntar não ofende, acho que ideias boas poderiam ser copiadas já que deu certo em outra cidade por que não fazer o mesmo para a sua cidade administrador? 

                          Redação do Informe-PE: Por: Paulo Fernando

                          Compartilhe essa notícia:

                            Líder do governo rebate relatório de Priscila Krause e defende investimentos da Prefeitura do Recife

                            geraldo-julioO líder do governo na Câmara dos Vereadores do Recife, Gilberto Alves, saiu em defesa nesta quarta-feira (10) do prefeito do Recife, Geraldo Julio, e rebateu o relatório entregue pela vereadora Priscila Krause, que apontou 29 obras públicas atrasadas. Segundo Krause, todas as obras deveriam estar concluídas neste mês.

                            O vereador destaca que o relatório não retratam a realidade observada pela cidade. “Nos dois primeiros anos do governo do prefeito Geraldo Julio foram viabilizados quase R$ 1 bilhão em investimento. Esse número é histórico! Em termos comparativos, o investimento realizado entre 2013 e 2014 supera o que foi empregado nos dois anos iniciais das três últimas gestões, somados”, defendeu Gilberto Alves.

                            Leia a íntegra da nota de Gilberto Alves:

                            As declarações da vereadora Priscila Krause sobre os investimentos feitos no Recife, parte de um recorte que não retrata a realidade, que é observada por quem anda pela cidade. O fato é que nunca se investiu tanto no Recife. Nos dois primeiros anos do governo do prefeito Geraldo Julio foram viabilizados quase R$ 1 bilhão em investimento. Esse número é histórico! Em termos comparativos, o investimento realizado entre 2013 e 2014 supera o que foi empregado nos dois anos iniciais das três últimas gestões, somados.

                            Para se ter uma ideia, em Saúde foram investidos nesses dois anos R$ 74,4 milhões. Mais do que a soma dos últimos dez anos. Em Educação o cenário se repete. Os R$ 132,7 milhões que esta gestão dedicou à construção de novas escolas, melhoria das existentes e da qualidade de ensino para nossas crianças, representam o total aplicado nos últimos seis anos.

                            A vereadora pode ter certeza de que as obras apresentadas por ela serão concluídas. Elas são compromissos que foram assumidos pelo prefeito Geraldo Julio com o povo do Recife e se somarão a um conjunto de entregas já feitas pelo prefeito que estão mudando a vida na cidade. Como cinco Upinhas, dois Espaços Mãe-Coruja, cinco Creches-Escolas, uma nova sede de Escola, três Habitacionais, 167 km de vias recapeadas, sete Ecoestações, 100 Câmeras de Vigilância, revitalização do Jardim Botânico e de 26 Praças e Parques, 139 obras de Contenção de Encosta, dez Academias Recife,74 pontos de conectividade do Programa Conecta Recife. E poderíamos passar o dia listando os avanços da atual gestão.

                            É importante lembrar que tudo isto é agora entregue em um novo padrão de qualidade. Muito acima do que sempre foi feito no Recife. O prefeito Geraldo Julio não reforma um casinha de dois quartos e um banheiro e diz ao povo que entregou uma nova creche. Quando o prefeito entrega uma creche, por exemplo, se sabe que esta vem com toda estrutura necessária para garantir conforto das crianças. E isso no mesmo padrão da rede privada. O prefeito Geraldo Julio não aluga um imóvel, pinta a fachada e chama de Posto de Saúde. O que o prefeito Geraldo Julio entrega é uma Upinha 24h com capacidade para atender 10 mil pessoas.

                            Muitos gestores poderiam abrir mão deste padrão de qualidade diferenciado para apresentar números ilusórios, quando, na prática, a população não sente a diferença na prestação do serviço.

                            Sabemos que tivemos um ano fiscal difícil, não só no Recife, mas em todo o Brasil. Mesmo assim, a Prefeitura conseguiu manter o alto nível de investimento e realizar tantas entregas importantes. O reconhecimento de que o trabalho da está no caminho certo foi dado pelo povo do Recife, quando, em recente pesquisa, 75% reafirmaram a sua aprovação à gestão. O que demonstra claramente que o recifense confia na capacidade de realização e no comprometimento do prefeito Geraldo Julio.

                            Vereador Gilberto Alves, líder da bancada de governo na Câmara Municipal do Recife

                            Compartilhe essa notícia:

                              PCR quer cadastrar flanelinhas do Recife Antigo

                              A Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano da Prefeitura do Recife propôs, em audiência pública realizada na manhã desta quarta-feira (10), o cadastro dos flanelinhas que atuam no Bairro do Recife, na área central da cidade. O encontro, com o objetivo de encontrar soluções para o problema, aconteceu com outros órgãos, como o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e a Secretaria de Defesa Social (SDS). Ainda não há prazos para esse credenciamento.

                              A sugestão da secretaria era que os flanelinhas, muitas vezes acusados de extorquir motoristas na capital pernambucana, fizessem o cadastro na delegacia do bairro, sob responsabilidade do órgão municipal. Porém, isso foi questionado pela promotoria de Direitos Humanos, alegando que isso poderia afastar do projeto aqueles que já tiveram débitos com a Justiça. Assim, a secretaria poderá ir a campo para esse trabalho, assim como é feito com os ambulantes.

                              A ideia da Prefeitura é que todos os flanelinhas que participarem do ordenamento passem a usar um crachá com foto, nome e informações sobre as suas “condições de trabalho”: que o pagamento de uma taxa é facultativo e que os motoristas não devem ser coagidos a isso ou ser ameaçados de qualquer forma, por exemplo. Além da identificação, segundo a proposta da PCR, eles deverão usar um colete com um número da matrícula, que seria usado pelos motoristas para fazer denúncias.

                              “Não queremos criminalizar os flanelinhas, nem extingui-los. Mas é imprescindível evitar que ocorram as coações aos proprietários e os danos aos carros dos mesmos, caso se neguem a pagar o que é cobrado”, comentou a secretária secretária-executiva de Controle Urbano, Cândida Bonfim, na audiência pública.

                              O grupo composto por secretarias municipais e estaduais, assim como as promotorias de Direitos Humanos e Habitação e Urbanismo, realizou duas audiências públicas e duas reuniões para debater o tema – a última na tarde desta quarta. De acordo com exigência do MPPE, a Prefeitura tem 30 dias para apresentar o grupo de trabalho e o cronograma e em 45 dias deverá apresentar formalmente o projeto com as ações.

                              Compartilhe essa notícia:

                                Secretaria de Educação do Recife nega censura

                                A secretaria de Educação da Prefeitura do Recife emitiu, nessa quinta-feira (4), nota de esclarecimento sobre o ofício divulgado na terça-feira (2) aos dirigentes e gestores de 290 escolas e creches da rede de ensino municipal. No comunicado, o órgão afirma que “a intenção não foi de censura”, mas admite que o texto poderia dar margem a outro tipo de interpretação.

                                A polêmica envolve um ofício publicado pela secretaria com orientações sobre a conduta de professores em atos públicos e punições a quem descumprir as regras. O documento restringe professores e funcionários de referirem-se “a autoridade ou atos da administração pública de modo depreciativo ou promover manifestações de apreço ou desapreço”. As imposições seriam oriundas do Estatuto do Servidor Municipal, de 1985. A publicação do ofício gerou grande repercussão entre os professores da rede pública, políticos ligados à educação e usuários de redes sociais nos últimos dias. Na internet, a secretaria foi acusada de promover censura.

                                O Sindicato Municipal dos Profissionais de Ensino da Rede Oficial do Recife (Simpere) divulgou comunicado na quarta-feira (3), considerando o ofício da secretaria “infeliz em sua forma e conteúdo”, além de representar uma verdadeira “ameaça” aos servidores.

                                A secretaria justificou que as exigências descritas no ofício tinham o objetivo de coibir o desacato de diretores, que teriam registrado denúncias de agressão. “O objetivo não foi atender tão somente à demanda de gestores escolares, que, relatando episódios de desrespeito e ofensas pessoais por parte de profissionais lotados em suas unidades, solicitaram um respaldo da secretaria de Educação do Recife”, detalhou a nota.

                                De acordo com o secretário da pasta, Jorge Vieira, foi uma tentativa de remediar uma situação conflitante. “tentou-se solucionar o problema da forma mais impessoal possível”, disse. Vieira entende que o órgão fez uso indevido do antigo estatuto municipal e afirmou que deixará de se guiar por ele. “As críticas e elogios são bem vindos, o que está sendo exigido é o respeito”.

                                Por Maria Regina Jardim, do Jornal do Comercio

                                Compartilhe essa notícia:

                                  Prazo para reserva de matrículas nas escolas e creches do Recife encerra nesta sexta-feira

                                  Termina nesta sexta-feira (5) o prazo para reserva de vagas nas escolas e creches da rede municipal de ensino do Recife. Os pais devem inscrever os estudantes nas turmas da Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II e Educação de Jovens, Adultos e Idosos (EJA) através do portal da Prefeitura do Recife. Até a última segunda-feira (1º), 9.088 estudantes já haviam sido cadastrados nas 22.468 vagas disponibilizadas desde 24 de novembro.

                                  A primeira etapa da reserva de matrículas é feita exclusivamente pela internet. Após a confirmação da reserva, o responsável pelo estudante deve comparecer a escola solicitada para confirmar a matrícula, entre os dias 9 e 17 de dezembro. “A vaga só é garantida depois da apresentação dos documentos na escola. Quem não fizer isso perde a vaga”, esclarece Jorge Vieira, secretário de Educação do Recife.

                                  Para escolher a unidade de ensino, é necessário informar a série do estudante. Assim, o sistema vai filtrar as escolas mais próximas com vagas disponíveis. Após a inscrição, o estudante deve imprimir o comprovante de reserva de matrícula e levar à escola na data prevista, portando os originais e as cópias da certidão de nascimento ou RG e da carteira de vacinação; cópia do cartão do SUS, cópia do comprovante de residência e documento de transferência da escola de origem e duas fotos 3×4 recentes.

                                  Dos 90 mil estudantes da rede municipal de ensino do Recife, 68.831 alunos já tiveram a matrícula renovada automaticamente em outubro. Em 2015, a previsão é que 91.299 estudantes sejam matriculados nas 306 unidades de ensino municipais, sendo 21 creches-escolas, 53 creches e 232 escolas. Em 2014, foram oferecidas 21.381 vagas para alunos novatos.

                                  Compartilhe essa notícia:

                                    “A cultura é prioridade na gestão”, diz prefeito Geraldo Julio

                                    geraldo-julioO prefeito e o vice-prefeito do Recife, Geraldo Julio e Luciano Siqueira, e a secretária de Cultura Leda Alves assinaram ontem a ordem de serviço de reforma do Cine-Teatro do Parque, fechado há quatro anos. As obras já começam neste mês. Essa parece ser mais uma cena da ópera – haja vista a duração em que se estende e a dramaticidade – que a cidade vive sobre o destino de um dos seus mais conhecidos e bonitos espaços públicos. Uma cena positiva, pelo visto, que dá um pontapé na obra de retomada do teatro. O prazo de reabertura é de dois anos. Ou seja: o Parque estará fechado, possivelmente, na data de seu centenário, a ser completado em 24 de agosto do próximo ano.

                                    Serão necessários R$ 8,2 milhões para a reforma, sendo a maior parte desta verba, segundo a prefeitura, advinda de remanejamentos internos do orçamento municipal e de parcerias com a iniciativa privada. Isso porque, na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2015, anunciada recentemente, a pasta de Cultura só terá para o setor de reforma e manutenção de equipamentos R$ 1,3 milhão. Entre os pontos críticos que serão atendidos pela obra estão toda a modernização do maquinário cênico e de projeção, a climatização e, com destaque, a requalificação do belíssimo jardim do Parque.

                                    O serviço será executado pela Concrepoxi Engenharia Ltda., ganhadora do edital de licitação – a mesma responsável pelas construções do Cais do Sertão e do Parque Dona Lindu e pelo restauro do Palácio do Campo das Princesas e da Estação Central. A obra está sob responsabilidade do Gabinete de Projetos Especiais e contou com um estudo prévio do Centro de Estudos Avançados de Conservação Integrada (Ceci), que gerou o Plano de Gestão da Conservação do Teatro do Parque. A iniciativa assegura que a intervenção preserve características originais do equipamento.

                                    Ao lado da secretária de Cultura, Leda Alves para a assinatura da ordem de serviço do Teatro do Parque, o prefeito Geraldo Julio defendeu a gestão municipal de Cultura, afirmando que a pasta é uma das prioridades da sua gestão. Confira a entrevista:

                                    JC – Com o Teatro Parque em obras, como ficam agora os outros equipamentos mantidos pela Prefeitura do Recife, a exemplo do Museu de Arte Moderna Aluisio Magalhães (Mamam)?

                                    GERALDO JULIO – Não é possível fazer tudo de uma vez. Nós gostaríamos de reformar todos e entregar todos de uma vez só a população. Para fazer isso, você precisa articular a captação de recursos, viabilizar a parte de financiamento. Agora, nós temos um avanço: primeiro essa obra aqui que é uma obra marcante para a cidade. Uma demanda muito forte, não só do setor artístico, mas para todo cidadão recifense, não é? E o outro é a criação de uma área de manutenção e estrutura na Fundação de Cultura. (…) Então, agora a gente inicia um novo momento, aonde a própria Fundação de Cultura vai ter uma área voltada para essa manutenção.

                                    JC – O orçamento da secretaria de Cultura caiu 16% e o de Turismo aumento 9,57%. A política cultural da Prefeitura do Recife é pautada pelo turismo?

                                    GERALDO – Não. Esse pensamento seu é engano. Na realidade, a cultura tem recebido forte investimento na nossa gestão.

                                    JC – Mas caiu o investimento…

                                    GERALDO – Não, não. Se você for comparar com anos atrás, aumentou muito.

                                    JC – Eram R$ 78,9 milhões e ficaram, agora, R$ 59,7 milhões…

                                    GERALDO – Se você comparar com os anos anteriores, você vai ver que nós investimos muito mais em cultura do que a cidade vinha investindo. Agora, o orçamento não é uma peça rígida. É uma peça que durante o ano você vai fazendo remanejamento. (…) A cultura é prioridade na gestão. Ponto. Você pode pescar alguma coisa e dizer que não é. Mas eu quero dizer que é a prioridade da gestão. (…) Não dá pra fazer tudo de uma vez só. Não existe dinheiro disponível para isso. Não só na cultura, mas em tudo na cidade.

                                    JC – Mas não se pode se pautar apenas pelo que vai ser remanejado, mas a partir do que foi divulgado pela PCR. Se com R$ 78,9 milhões, o Festival Recife do Teatro Nacional e o Festival de Dança vão virar bienal, como será daqui pra frente, com um orçamento menor?

                                    GERALDO – Vai ficar ainda melhor. Nós vamos fechar essa discussão com a classe. Fazemos tudo com muito diálogo, mas temos certeza que vamos fazer aquilo que for melhor para o Recife e para a cultura do Recife.

                                    Do JC

                                    Compartilhe essa notícia:

                                      Zoológico Parque de Dois Irmãos sob risco de interdição

                                      O Ministério Público de Pernambuco estuda a possibilidade de pedir a interdição do zoológico do Parque Dois Irmãos. Depois de finalizar inquérito que durou um ano, com a colaboração de biólogos e veterinários de várias entidades, o órgão conclui que o antigo horto não pode continuar como está, abrigando animais em recintos inadequados e sem manutenção. Domingo passado, as duas últimas araras azuis do zoo foram encontradas mortas.

                                      “A situação é a pior possível. Há muitas evidências de maus-tratos aos animais”, declarou o promotor de Meio Ambiente, Ricardo Coelho. “Estamos avaliando se vamos ingressar com ação, pedindo a interdição temporária, ou pedir que o Estado assine termo de ajustamento de conduta, se comprometendo a apressar a reforma.”

                                      Em reunião com o secretário Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Carlos André Cavalcanti, na semana passada, o promotor foi informado que a gestão do parque pode passar às mãos de uma organização social, que receberia a verba da bilheteria e aplicaria no espaço. “O secretário alegou que, com uma OS à frente, a captação de recursos seria menos burocrática”, revelou Ricardo Coelho.

                                      Compartilhe essa notícia:

                                        Baixo nível do Sistema Botafogo faz Compesa intensificar racionamento na Zona Norte do Grande Recife

                                         / Foto: Renato Spencer/Acervo JC Imagem

                                        A partir desta quarta-feira (3), quatro cidades do Grande Recife vão ter o racionamento de água intensificado em alguns bairros. A medida foi provocada graças ao baixo nível do Sistema Botafogo, que abastece as cidades de Olinda, Paulista, Abreu e Lima e Igarassu, na região norte do Grande Recife. Atualmente, o reservatório conta com apenas 22,38% da capacidade.

                                        Os bairros de Maranguape 1 e Arthur Lundgren 1 e 2, em Paulista, e a cidade de Igarassu, que tinham fornecimento diário de água, passarão a ter o revezamento de dois dias com água e dois dias sem. O mesmo acontece em Cruz de Rebouças, distrito de Igarassu. Em Caetés 3, bairro de Abreu e Lima, a situação é mais crítica. A área, que já tinha um corte no fornecimento a cada dois dias, passará a ser abastecida com água de três em três dias: um dia com água para três dias sem.

                                        Em Olinda, quatro bairros da cidade serão afetados com o racionamento. Bairro Novo, Casa Caiada, Bultrins e Jardim Fragoso, que recebiam água diariamente, terão o fornecimento cortado a cada dois dias.

                                        Nos outros bairros de Abreu e Lima, assim como no Janga e em Maranguape 2, em Paulista, e Ouro Preto, em Olinda, o racionamento já era realizado. As regiões recebiam água diariamente, mas em apenas alguns horários do dia. Por já conviverem com a redução de água, as localidades não vão ser afetadas com a nova medida.

                                        Do JC Online

                                        Compartilhe essa notícia:
                                          background