Veneza Water Park recebe o Prêmio Destaque Total Melhores do Ano pela Revista Total

_MG_4760A noite da última quinta-feira (03) foi de festa e confraternização para os presentes na cerimônia de entrega do Prêmio Destaque Total Melhores do Ano. A premiação é organizada pela Revista Total e pelo Centro Integrado da Imprensa do Interior de Pernambuco (Cinimipe), e aconteceu no restaurante Spettus, localizado no Bairro do Derby, área Central do Recife.

_MG_4764Na edição deste ano, 80 prêmios foram oferecidos a empresas e personalidades de diferentes áreas e segmentos que se destacaram durante o ano passado. O Park Aquático Veneza Water Park, que tem em sua gerência o administrador Felipe Andrade, recebeu o premio destaque na sua categoria, essa já é a segunda vez que o administrador e premiado pela Revista. 

A Revista Total está no mercado há quase nove anos e com uma forte inserção no interior do Estado. A publicação foi primeiramente gestada em Vitória de Santo Antão, na Mata Sul, e atualmente conta com 15 mil exemplares mensais.

Compartilhe essa notícia:

    Em Paulista, Caminhão tomba na pista e deixa o trânsito complicado na PE-15

    01O tombamento de um caminhão deixou o trânsito complicado, na tarde desta sexta-feira (04), em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. O veículo perdeu o controle, por volta das 15h, enquanto trafegava na rodovia PE-15, no sentido Abreu e Lima, se chocando com um poste de iluminação pública.

    O condutor, até então não identificado, não sofreu escoriações e não precisou ser removido para uma unidade de saúde. Equipes do Grupamento de Bombeiros de Atendimento Pré-Hospitalar (GBAPH) estiveram no local.

    02Agentes da Guarda de Trânsito de Paulista permaneceram na área para regularizar o fluxo na via, que registrou pontos de retenção, nas proximidades do Cemitério São José. O caminhão seguia com um carregamento de adubos e insumos agrícolas, tendo parte do material espalhado na pista. As causas do acidente ainda deverão ser periciadas. Com informações da FolhaPE

    Compartilhe essa notícia:

      Coluna desta quarta-feira

      Em Paulista, Tucano poderá está de malas prontas para o PTB

      O jovem João Victor que encerra o seu circulo partidário deverá está de malas prontas para o PTB do Ex-prefeito Speck. Já teria, recebido convite no ano passado. Agora basta aguarda, pois o tucano deverá está se desfilando do seu partido logo no inicio do ano.

      Buracos tomam conta do Bairro do Nobre em Paulista


      No último de dezembro de 2012 recebemos mais de vinte e-mails de moradores e motoristas pedindo a ajudar para a nossa Redação do Informe-PE para denunciar os buracos que estão tomando conta do bairro do Nobre na cidade do Paulista.

      Pela foto mostrada acima podemos ver que o problema é antigo que não é primeira vez que mostramos esse problema NÃO RESOLVIDO.

      Redação do Informe-PE, Por Paulo Fernando 

      Compartilhe essa notícia:

        Cotação de petista gera polêmica em Paulista

        Antes mesmo de o prefeito eleito em Paulista, Junior Matuto (PSB), anunciar o secretariado, setores ligados ao PT já disseminam a informação de que o socialista deve puxar para o seu primeiro escalão o vereador reeleito Fábio Barros), que é biólogo e ativista ambiental, para a pasta de Meio Ambiente no município. Em reserva, uma fonte ligada ao partido declarou que o assunto não tem fundamentação oficial, porém não é descartada a possibilidade. “O PT está discutindo. Ou existe, ou não existe uma possibilidade, porque seria muito radicalismo da gente. Mas é uma discussão interna do PT. E vários fatores podem influenciar na decisão, como os processos que estão na Justiça, que estamos apurando”, ressaltou.

        Apesar de ser de oposição, Fábio Barros já teve o seu nome cotado anteriormente por colegas petistas, mas ele garante que não será secretário. “Jamais eu poderia aceitar um cargo político como técnico. Eu sou um político. E eu sou ligado a um partido. Existe uma direção partidária”, enfatizou. “Eu só posso assumir um passo desses de forma política, mesmo sendo um técnico. Pois o processo está invertido, e não depende somente de minha capacidade técnica e sim de uma decisão político-partidária”, explicou.

        Para o deputado Sérgio Leite (PT), que disputou a eleição majoritária e ficou em segundo lugar, isso não passa de especulação. Segundo ele, o PT tem uma posição coerente no município que deverá ser respeitada. Contudo, caso a legenda resolva se aliar a Matuto, Leite defende que seja dada uma explicação aos paulistenses e revelar o que está ganhando com isso. Ainda segundo o parlamentar, a conjuntura de Paulista é muito polarizada e radical, diferente de Pernambuco, onde petistas e socialistas são aliados.

        “Eu defendo que o PT seja oposição. E veja: o PT tem aliança com o PSB no Estado, tem aliança nacional. Sou aliado e amigo do governador Eduardo Campos, mas acredito que ele respeita a minha posição de oposição em Paulista, onde, durante oito anos, fui oposição ao prefeito Yves Ribeiro”, ressaltou. “Isso é alguém que está desempregado , que negociou com alguém lá para arrumar emprego e está inventando essa tese. Não é porque é ideológica, não é coerente, não é comprometida com o povo. É apenas uma questão pessoal de arranjar emprego”, provocou Sérgio Leite.

        Segundo o presidente do PT em Paulista, Nickson Monteiro, para que Fábio pudesse assumir uma secretaria, a autorização deveria ser dada pela executiva do partido, o que não foi feito. Por isso, ele também acredita se tratar de especulações. “Aqui no PT não houve essa discussão. A executiva não foi convocada. Fábio é o nosso grande representante na Câmara. Uma pessoa muito atuante e que nós temos muito carinho. Até agora não houve convite”, declarou Nickson. Segundo a assessoria de imprensa de Junio Matuto, o secretariado deve ser anunciado ainda hoje. Com informações de Wagner Santos repórter da Folha-PE

        Compartilhe essa notícia:

          Decoração de Natal no Litoral Norte é precária

          A maioria das cidades que fazem parte do Litoral Norte de Pernambuco, não vai ganhar decoração de Natal. Essa é uma historia que todos já conhecem. A falta de sentimento por parte dos poderes executivos e secretários, de nem se quer planejar uma campanha natalina na cidade onde tentam administrar.

          A moradora Maria Fatima (55), que reside há 31 anos na cidade de Olinda, comenta que em toda a beira mar, não ver uma lâmpada se quer piscando nos pontos turísticos. “O nosso prefeito não vem fazendo uma boa administração parece até que ele não mora aqui e não ver televisão”. Concluiu o moradora.

          Já em Paulista as reclamações aumentam por parte dos habitantes, os mesmos reivindicam que a cidade das chaminés está perdendo sua historia. “Antigamente tínhamos o melhor Natal, melhor até do que, o de Recife e com esse atual prefeito não sabemos o que significa isso há anos” Comentou a senhora Helena Maria (66), moradora do bairro do Nobre. A senhora ainda fala que, se não tivessem as igrejas seria bem pior, por que não teria nada realmente para celebrar ou se quer olhar no mês de dezembro.

          Nas cidades vizinhas como Abreu e Lima, Igarassu, Ilha de Itamaracá e Goiana o problema é o mesmo, não se ver muito interesse por parte dos seus administradores, nem ao menos uma pequena ornamentação para o embelezamento da cidade. Compreendemos que a verba sempre é pequena, que nunca tem dinheiro para ser investido, que o governo estadual e federal não chega junto! Será? Mas quando se tem interesse no trabalho com certeza consegue-se colher bons resultados.

          Vemos a cidade do Recife, foi gasto muito dinheiro para a animação natalina, primeiro por que a cidade merece e é capital de Pernambuco, segundo a maioria de seus investimentos este ano foi feito com materiais reciclados para baratear o serviço e melhorar o meio ambiente. Perguntar não ofende, acho que ideias boas poderiam ser copiadas já que deu certo em outra cidade por que não fazer o mesmo para a sua cidade administrador? 

          Redação do Informe-PE: Por: Paulo Fernando 

          Compartilhe essa notícia:

            Felipe do Veneza deverá comandar o Turismo de Paulista

            O Administrador Felipe Andrade, conhecido popularmente como Felipe do Veneza, deverá comandar a partir de Janeiro a Pasta do Turismo em Paulista, o anuncio deverá ser feito na aproxima semana pelo novo Prefeito Junior Matuto. 

            Felipe que já dirigiu a Câmara Turística do Paulista, tem relevantes serviços prestados ao turismo do município, e  após ser anunciado, o novo gestor terá logo pela frente a organização do carnaval da cidade. Com informações do Blog Paulista em 1º Lugar

            Compartilhe essa notícia:

              Nena Cabral

              Compartilhe essa notícia:

                Trânsito do Paulista é elogiado por Motoristas

                Quem anda pelo centro da cidade do Paulista percebe que nos últimos meses deu uma grande melhorada. Conversando com alguns motoristas que trafegam no local a melhoria do trânsito é devido pela competência do comandante da Guarda Robson, conhecido popularmente como Rob Galo.

                Entre os motoristas e pedestres que circulam pelo centro da cidade existe uma grande preocupação com a mudança de gestor que irá acontecer próximo ano.

                A grande preocupação é se o comandante da guarda municipal do município será novamente Robson, pois o mesmo é muito dedicado em sua Função e com isso quem sai ganhando são os motoristas e pedestres da cidade.

                Redação do Informe-PE: Por: Sidcley Alves 

                Compartilhe essa notícia:

                  Ondas de assaltos estão acontecendo no centro do Paulista

                  A redação do Informe-PE vem recebendo vários de e-mails de vitimas de assaltos que estão acontecendo na cidade do Paulista.

                  De acordo com as vitimas, existe uma moto preta com dois suspeitos assaltando pessoas na parte da manhã no percurso entre o Centro do Paulista, Aurora e Jardim Paulista.

                  Lembrando que esses assaltos acontecem sempre entre ás 6  e 11 horas da manhã. O alvo dos suspeitos são: senhoras e senhores que caminha pelo lugar. 

                  Redação do Informe-PE: Por: Sidcley Alves 

                  Compartilhe essa notícia:

                    Reserva florestal está sendo desmatada pela Prefeitura de Paulista, dizem moradores

                    Moradores de Maranguape I, em Paulista, Região Metropolitana do Recife, estão denunciando a prefeitura de Paulista por estar desmatando uma área da Mata Atlântica para a construção de um Instituto Federal de Educação. Um Centro de Formação da Polícia Militar, uma auto-escola e um campo de futebol já funcionam no local.

                    Para não chamar atenção dos fiscais, as árvores derrubadas são depois enterradas, transformando todo o terreno em um loteamento irregular. Um morador enviou um vídeo para o NE10 que mostra a ação:


                    A área pertencia a família Lundgren e servia como pista de pouso para um avião particular. Segundo a lei, as árvores só podem ser derrubadas com autorização da Agência Pernambucana de Meio Ambiente (CPRH), que não as concedeu.

                    Com o desmatamento, alguns animais que moravam na mata foram parar dentro de estabelecimentos comerciais e residências. Os moradores chamaram o voluntário do Ibama Adriano Artoni para fazer o resgate dos bichos. Artoni trabalha com a instituição desde 1997.

                    “Eu fiz o resgate de 15 saguis, 17 cobras, 7 preguiças, um gavião e alguns roedores. Já que a casa deles está sendo destruída, eles têm que buscar outro local para viver,” disse o voluntário. Alguns dos animais capturados por ele foram soltos em uma outra mata e outros foram levados para o Ibama.

                    Compartilhe essa notícia:

                      Veja as imagens dos candidatos eleitos diplomados da cidade do Paulista

                      Em cerimônia realizada na tarde desta terça-feira (18), na sede do SENAC em Jardim Paulista, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores de Paulista foram diplomados. Confira as fotos:


                       
                       
                       

                      Compartilhe essa notícia:

                        Atletas do Taekwondo buscam recursos para disputar vaga na seleção brasileira

                        A equipe de Taekwondo da cidade do Paulista está em busca de recursos para conseguir participar da última seletiva fechada que vai garantir vaga para a seleção brasileira. A competição acontece de 19 a 21 de janeiro de 2013 e será decisiva para os cinco atletas que conquistaram, em Cuiabá, o direito de disputar as vagas e assim representar o Brasil nas Olimpíadas mundiais e pan-americanas.

                        Na seletiva, brigam pelas duas vagas na seleção, os dois melhores atletas do ranking nacional, de cada categoria. Para conseguir levar a equipe de Paulista para a disputa, o treinador Eliel Azevedo corre atrás de ajuda financeira. Em Cuiabá, a equipe ficou 7 dias desalojados, sem dinheiro e sem poder voltar pra Pernambuco, por problemas nas passagens aéreas Dessa vez, Eliel espera que empresários possam se interessar pela causa e possibilitar a viagem e a estadia dos taekistas para o Rio de Janeiro.

                        Compartilhe essa notícia:

                          Confraternização do PT em Paulista

                          O Partido do Trabalhadores – PT da cidade do Paulista irá realizar no dia 16 de dezembro de 2012, com a presença de todos os dirigentes municipais e participação de dirigentes estaduais, lideranças políticas, o deputado Sérgio leite e filiados, a sua confraternização acontece no Sítio do Pica-Pau Amarelo, a partir das 09hs.

                          Compartilhe essa notícia:

                            Incêndio destrói área verde em Igarassu e Paratibe

                            Duas áreas de mata foram atingidas por incêndio neste sábado (15), sendo uma em Paratibe, próximo ao Hotel Signo, na cidade de Paulista, e outra em Igarassu, ambos na Região Metropolitana do Recife. As causas dos incêndios ainda são desconhecidas, mas o Corpo de Bombeiros acredita que os incidentes possam estar ligados ao calor.

                            Os bombeiros chegaram em Paratibe por volta do meio-dia, horário local, e levaram mais de quatro horas para controlar o fogo. Duas viaturas foram encaminhadas ao local e a estimativa inicial é que o fogo tenha destruído aproximadamente 700 metros quadrados, ainda segundo a corporação.

                            O chamado para Igarassu foi na tarde deste sábado, em uma área verde na Estrada do Sítio Boa Vista, bairro Nova Cruz. Funcionários de um hotel nas proximidades teriam acionado os bombeiros. Ainda não há informações sobre feridos ou prejuízos. Com informações do G1

                            Compartilhe essa notícia:

                              Leitor denuncia falta de assistência por parte da Prefeitura de Paulista

                              Precisamos urgente ajudar uma égua que está agonizando de tanto sofrimento, pariu um potrinho e ele está morto. Entrei em contato com a Prefeitura de Paulista, Um cidadão da Prefeitura me forneceu 5 números, ou chama e ninguém atende ou só dá ocupado ou não existe. Abri a lista telefônica e tentei mais 7 números sem sucesso.

                              Sendo assim, recorro à Imprensa, na tentativa de socorrer um animal  que pede SOCORRO e ninguém toma uma atitude humana. Lembrando que pela manhã sempre encontramos cavalos e à noite não, subtende-se que o animal tem dono, este se faz de cego. No aguardo da ajuda, agradeço antecipadamente.

                              Por Edy Battistella

                              Compartilhe essa notícia:

                                Começa a demolição de casas em área de preservação de Paulista

                                Fiscais da Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH) e da Prefeitura de Paulista, no Grande Recife, deram início, nesta sexta-feira (7), à demolição das casas localizadas em uma reserva de Mata Atlântica. Com a ajuda de um trator, eles retiraram várias cercas, algumas feitas com estacas de concreto. Entre elas, os fiscais encontraram novas placas, com a identificação de invasores, demarcando os lotes, algumas das quais com nomes de policiais militares.

                                A área invadida tem 300 hectares e boa parte da Mata Atlântica destruída, para ser transformada em um loteamento irregular. Dentro do local ficam ainda as ruínas da Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres, protegidas por uma lei estadual. De acordo com os registros da prefeitura, as terras pertencem à Companhia de Tecidos Paulista (CTP). Mesmo sendo uma propriedade particular, a Prefeitura pode fazer as demolições, para garantir a preservação do meio ambiente.

                                O trabalho começou pelas casas que ainda estão sendo construídas. Naquelas em que já há famílias morando, só com decisão judicial. O secretário do Meio Ambiente de Paulista, Alcides Leitão, mostrou documentos que comprovam que a CTP já entrou na justiça com o pedido de reintegração de posse, fundamental para que as casas sejam retiradas.

                                “É preciso que se leve em consideração o parecer judicial, mesmo que seja área de proteção, porque temos considerar que tem famílias, inclusive crianças, dentro dessas residências”, explicou o secretário.

                                “A retirada das cercas vai continuar, juntamente com a prefeitura e a Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente de Pernambuco (Cipoma). A demanda é enorme e a quantidade de cercas era muito grande, então os trabalhos de remoção e monitoramento vão continuar, para evitar que haja novas ocupações na área”, acrescentou o chefe de fiscalização florestal da CPRH, Thiago Costa.

                                De acordo com a Secretaria de Defesa Social (SDS), a corregedoria está atenta ao caso dos lotes com nomes de PMs e as investigações serão iniciadas. Ainda segundo a SDS, se o envolvimento dos policiais no loteamento irregular for comprovado, eles responderão disciplinarmente.

                                Também na tarde desta sexta (7), a juíza substituta da 2ª Vara da Fazenda Pública de Paulista, Ana Carolina Fernandes Paiva, concedeu liminar para que a Companhia de Tecidos Paulista seja reintegrada na posse da propriedade. De acordo com a determinação da justiça, os invasores devem desocupar a área em 48 horas, sob pena de serem retirados à força. Com informações do G1 PE

                                Compartilhe essa notícia:

                                  Fiscais retiram cercas de ocupação irregular em reserva ambiental de PE

                                  Fiscais de Meio Ambiente da Prefeitura de Paulista e da Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH) fizeram, nesta quinta-feira (6), uma operação conjunta para retirar cercas que demarcavam um loteamento irregular no parque do Janga. A área de reserva de Mata Atlântica é protegida por lei estadual. As equipes se espalharam pela área mais baixa do terreno. As estacas e as cercas foram retiradas pelos fiscais. O trabalho foi acompanhado por policiais da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente de Pernambuco (Cipoma). A operação atraiu a curiosidade de moradores de comunidades próxima à reserva.

                                  O parque do Janga é uma importante área de controle da temperatura e dos alagamentos do litoral de Paulista e é protegido por lei estadual. A área de 300 hectares foi invadida, a destruição de Mata Atlântica aumentou e grande parte do local foi transformada em loteamento irregular. Galhos de árvores centenárias viraram estacas para demarcar os lotes, que estavam identificados com os nomes dos posseiros.

                                  De acordo com o chefe da fiscalização, Thiago Costa, durante a retirada das cercas, as placas foram levadas para a Delegacia de Crimes Ambientais para ajudar na identificação dos invasores. “Como não houve possibilidade de identificar, no momento, quem está sendo responsável pelas invasões nas áreas de fragmento florestal, a gente verificou que muitas das áreas têm placa com algum tipo de identificação, pelo menos o nome e telefone de alguns”, disse.Dentro dessa região também estão as ruínas da Igreja de Nossa Senhoras dos Prazeres, lugar protegido pelo governo estadual.

                                  No fim da manhã de ontem (6), representantes dos invasores chegaram ao local acompanhados por um advogado. “Eu fui chamado pelos líderes do assentamento para verificar qual a área que eles estão ocupando, se é área ambiental ou não. O que for área ambiental eles vão desocupar, porque não há interesse nem intenção de cometer nenhum tipo de crime ambiental. O que for área particular será discutido na Justiça e nos órgãos competentes, entre eles a prefeitura”, afirmou o advogado Vilarzito Nogueira.

                                  Após a retirada das cercas, o próximo passo será a remoção das casas que estão sendo construídas na área de proteção ambiental. “Nós estamos mobilizando outras secretarias para montar uma ação mais rigorosa e retirar essas casas. A gente quer tentar resolver até o final do ano e deixar tudo desocupado, toda a área ambiental livre”, disse Fátima Amaral, diretora de Meio Ambiente de Paulista. A Companhia de Tecidos Paulista, dona do terreno, informou que já entrou com uma ação de reintegração de posse e que aguarda uma decisão da Justiça.

                                  Fonte: G1

                                  Compartilhe essa notícia:

                                    Em Paulista, PE, área de preservação ainda é alvo de loteamento irregular

                                    Uma área de proteção ambiental em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, continua sendo invadida para a construção irregular de casas. A cada dia uma nova casa é construída, e a mata vai perdendo seu espaço. A área, que tem 300 hectares, já teve boa parte de seu terreno transformada em loteamento irregular. Para marcar o território, galhos de árvores centenárias estão sendo usado para indicar o qual posseiro “pertence” determinada área. Na região, além das árvores estão também às ruínas da Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres, protegidas por lei estadual.

                                    Após duas semanas da exibição da matéria a situação no local está pior: uma equipe de reportagem voltou ao local e encontrou novos indícios de que a mata continua sendo derrubada. Em algumas áreas, a vegetação e o solo foram queimados, indicando que os invasores estão usando o fogo para acelerar o desmatamento e desmarcar mais lotes.

                                    Doutor em ecologia e coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), o professor Luís Carlos Marangnon ficou impressionado com a devastação. “Há um avanço significativo em termos de retirada da vegetação da área. Por ser uma área considerada importante em termos de questão ambiental, principalmente voltada para a questão do bom uso do solo, a vegetação tirada vai trazer sérios problemas, posteriormente, até mesmo para as pessoas que acham que podem estar ganhando, como temperaturas mais elevadas e umidade relativa mais baixa”, explicou.

                                    Enquanto isso, fiscais da Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH) afirma que já retiraram as estacas da área, mas os invasores voltaram a colocá-las. “Nós viemos junto com a Companhia de Meio Ambiente da Polícia Militar (Cipoma) e retiramos as cercas que havia no local. Posteriormente, avisamos à prefeitura sobre a situação e ela já veio algumas vezes, mas eles continuam com a retirada e a ocupação avança. A prefeitura retira e os moradores voltam a colocar as cercas, então a gente vai continuar mantendo monitoramento, a Cipoma também está muito engajada, já veio algumas vezes para tentar flagrar essa ação de desmatamento”, afirmou Thiago Costa, chefe de fiscalização da CPRH. Por sua vez, a Prefeitura de Paulista foi intimada pelo Ministério Público de Pernambuco, para explicar as providências que estão sendo tomadas na área. Segundo o secretário de Meio Ambiente, Alcides Leitão, a documentação já foi entregue. Além disso, a secretaria também cobrou do dono do terreno, a Companhia de Tecidos Paulista (CTP), para que entre na Justiça com uma ação de despejo para retirar as famílias da área de proteção ambiental.

                                    “Nós já notificamos a CTP, que consta como a proprietária em nossos cadastros, para que ela tome medidas no sentido de solicitar a reintegração de posse. Aí então vamos estudar em conjunto a solução habitacional daquelas comunidades que ali se encontram”, assegurou o secretário de Meio Ambiente. De acordo com a Companhia de Tecidos Paulista, o terreno foi cercado e uma placa foi afixada no local, informando que aquela é uma área de preservação. Ainda segundo a companhia, a retirada das famílias só poderá ser comentada quando um diretor da empresa retornar de viagem.

                                    Fonte: G1

                                    Compartilhe essa notícia:

                                      Leitor atento reclama de obras “meia-boca” da Prefeitura de Paulista e da Compesa

                                      Carta do Leitor:

                                      Em novembro deste ano, a Prefeitura de Paulista fez o Binário da Estrada de Manepá com a Rua Poeta João Neves, no Janga, com o objetivo de facilitar o trânsito para quem entra ou sai do belíssimo litoral da cidade pela PE-22.

                                      Pois bem: para viabilizar o dito binário, a Rua Poeta João Neves teve de ser calçada (antes era no barro). E verdade seja dita aqui: O binário realmente melhorou a situação do fluxo na área e o fato de ter a via calçada é muito positivo para todos os moradores e comerciantes da Rua Poeta João Neves (longe de eu reclamar disto, por favor!).

                                      Mas, como nem tudo são flores e de boas intenções o inferno está cheio, logo após a estrada em funcionamento do bendito binário, a recém-asfaltada Poeta João Neves já está toda esburacada! Agora raciocinem comigo: se está assim no verão com esse sol escaldante, imaginem no inverno com as chuvas? O que era um sonho se tornando realidade, vai virar se transformar em um enorme pesadelo!

                                      Outra verdade seja dita: há muitos buracos provocados pela Compesa, mais precisamente na proximidade de algumas bocas de lobo. A Companhia, mestre em fazer serviços pela metade, deve fechá-los também. Porém, há inúmeros outros, onde é visível que a camada de asfalto colocado pela Prefeitura é finíssima e frágil e nem suporta o fluxo crescente de veículos pós-binário, tampouco será capaz de aguentar o próximo ciclo de chuvas.

                                      Em alguns casos, para não deixar o negócio tão evidente, a prefeitura jogou barro pra amenizar. Mas os muitos buracos estão do início ao fim da Rua Poeta João Neves (podem ver as fotos nos anexos: iguais a estas crateras nas imagens, há inúmeras outras na Poeta João Neves).

                                      E o dinheiro do povo que foi investido para ser feito um serviço de qualidade e não uma “meia bomba”, quem será que comeu?  Isso é uma vergonha! E agora a prefeitura atual e o futuro prefeito o que vão fazer? A empresa que fez o serviço (que não faço a menor ideia de qual seja) precisa ser notificada e o serviço refeito de imediato!

                                      Cadê o Ministério Público e o Tribunal de Contas para fiscalizar a utilização dos bens públicos? Porque não atuam em Paulista? É pela falta de visibilidade?

                                      O Leitor Atento, C.M.

                                      Fonte: Blog do Jamildo

                                      Compartilhe essa notícia:

                                        Grande descaso em Paulista

                                        Quem mora na Rua Poeta João Neves, localizada no bairro do Janga não aguenta mais tanta enrolação por parte da Prefeitura referente ao assunto calçamento.

                                        A rua encontra-se em total descaso do inicio ao fim, há alguns dias atrás a prefeitura da cidade no intuito de amenizar o problema espalhou barro para tentar aliviar a grande buraqueira que existe no local. Moradores informaram que a circulação de veículos no local é muito grande em relação à camada fina de asfalto que existe na rua.

                                        Ainda disseram que, depois que foi criado um binário para facilitar a mobilidade na área o trânsito está mais intenso, com isso os moradores pedem que seja feito um recapeamento de verdade no local.

                                        Redação do Informe-PE: Por Sidcley Alves

                                        Compartilhe essa notícia: