Faleceu ontem seu Pedro

Artes mês de maio 2015

E com muita tristeza que informamos aos leitores do Informe-PE a morte de seu Pedro João de Lima pai do vereador, Éden Pedro de Abreu e Lima. Ele faleceu na tarde desta segunda-feira (25), o velório está sendo na casa dele na Rua 128 n°26 (Rua da Ilha) em Caetés I, o sepultamento será no Cemitério de Abreu e Lima às 15h.

Compartilhe essa notícia:

    Começa inscrição para pescadores do litoral pernambucano

    Começa inscrição para pescadores do litoral pernambucano

    A segunda etapa do cadastramento dos pescadores artesanais no programa Chapéu de Palha começou nesta segunda-feira (25) uma ação que vai beneficiar profissionais de 17 municípios do litoral pernambucano. Os pescadores irão receber um complemento da renda, além de cursos de qualificação profissional durante o período da proibição da pesca.

    O cadastramento beneficia profissionais dos municípios de Abreu e Lima, Barreiros, Cabo de Santo Agostinho, Goiana, Igarassu, Ilha de Itamaracá, Ipojuca, Itapissuma, Jaboatão dos Guararapes, Lagoa de Itaenga, Olinda, Paulista, Recife, Rio Formoso, São José da Coroa Grande, Sirinhaém e Tamandaré.

    Para fazer as inscrições, a Secretaria de Planejamento e Gestão, que coordena o programa, montou um ponto de cadastramento nas associações ou colônias de cada uma das cidades beneficiadas, onde os pescadores serão atendidos, entre as 8h e 17h, até o próximo dia 28.

    Na colônia de pescadores Z1, em Brasília Teimosa, no Recife, os pescadores chegaram cedo. Perto das cinco horas da manhã, uma fila já era formada na sede da colônia. Joel Ferreira da Silva, 47 anos, foi um dos primeiros a chegar e estava satisfeito, porque conseguiu se matricular no curso de Noções de GPS. “O programa veio em muito boa hora. O dinheiro que recebemos com a bolsa é uma importante ajuda, mas eu dou muito valor aos cursos de capacitação. Vou fazer o curso de Noções Básicas de GPS. Eu, que pesco com barco em alto mar, preciso desse conhecimento”, observou Joel.

    O secretário de Planejamento e Gestão, Danilo Cabral, lembra que o Chapéu de Palha foi precursor do Bolsa Família no Brasil. “É um programa de distribuição de renda que garante a dignidade das pessoas que não podem exercer sua atividade laboral por um determinado período. Também dá acesso a novos conteúdos, que podem gerar mais inclusão e cidadania. Além disso, o Chapéu de Palha é um programa importante nesse período de retração da economia, porque dá direito à dignidade e à cidadania”, afirmou.

    Para se cadastrar no Chapéu de Palha da Pesca, o pescador ou a pescadora deve ser maior de 18 anos. Vale ressaltar que os marisqueiros e marisqueiras também podem participar. No ato do cadastramento, é preciso ter mãos originais e cópias dos documentos de Identidade, CPF, comprovante de residência, carteira de trabalho, carteira do Ministério da Pesca, Registro Geral da Pesca ou protocolo que comprove a inscrição do pescador ou pescadora junto ao Ministério da Pesca, além do número do PIS ou do NIS (cartão do Bolsa Família ou Cartão Cidadão). Os beneficiários do Chapéu de Palha receberão quatro parcelas de até R$ 256,52 complementares ao valor recebido pelo programa Bolsa Família.

    Fonte: DP

    Compartilhe essa notícia:

      Parabéns às cidades trigêmeas de Pernambuco

      O Diretor Geral do Informe-PE, Paulo Fernando parabeniza as cidades de Itapissuma, Abreu e Lima e Camaragibe pelos seus 33 anos de emancipação política.

      33 anos de Abreu e Lima 2

      Compartilhe essa notícia:

        Éden Pedro homenageia mães pelo seu dia

        Dia das mães Eden Pedro

        Compartilhe essa notícia:

          Éden Pedro

          28 dia Abril Dia da Educação

          Compartilhe essa notícia:

            Em Abreu e Lima, lideranças criam o Movimento Juventude Abreulimense

            Em Abreu e Lima, lideranças criam o Movimento Juventude Abreulimense

            Aconteceu na tarde deste ultimo sábado, dia 25, no prédio da CDL municipal, um encontro que certamente marcará a historia de Abreu e Lima. É que deste encontro nasceu o Movimento Juventude Abreulimense (MJA), um espaço suprapartidário que pretende realizar um conjunto de ações para debater as questões politicas e sociais da cidade, que contou com a presença de representantes de diversos segmentos sociais.

            Entre eles, Albertino Pereira, representante da Paróquia de São José, que fez questão de parabenizar a iniciativa: “Acho importante que a juventude se reúna em prol da cidade. Abreu e Lima precisa de novos lideres, pessoas que vivam o dia a dia do município e estejam obstinadas em defende-lo. Sem dúvidas , a paróquia  ver esse projeto  com bons olhos”. Declarou.

            “O MJA surge de uma inquietação nossa referente à ausência de espaços abertos de diálogo que reúna jovens e pessoas interessadas em defender o município e, mais importante, em poder contribuir com o melhoramento da nossa cidade através de ações concretas. Acho que Abreu e Lima ,há tempos, estava precisando de uma inciativa como esta”, diz Pedro Vitor Lopes, um dos líderes do movimento.

            A primeira reunião contou com a presença de nove pessoas, mas a expectativa do grupo é que, a cada encontro, mais integrantes se juntem ao projeto. “O importante é que o primeiro passo foi dado. A medida que fomos produzindo ações cidade a dentro, o MJA tende a ganhar corpo. Com certeza há muito trabalho a ser feito para conquistarmos a confiança de sociedade abreulimense”, declarou Carlos Soares, membro da executiva nacional do PTB e um dos integrantes do movimento.

            Entre os assuntos discutidos estiveram a conjuntura politica da cidade e os principais problemas enfrentados no município, hoje, em relação à politicas públicas de juventude, educação e cultura. Além disso, foi considerada fundamental a reativação do Conselho Municipal de Juventude, um importantíssimo canal de dialogo entre a sociedade e o Poder Público, segundo o grupo.

            Ao final da reunião, os presentes fizeram questão de salientar que o MJA está aberto a todas e todos que quiserem contribuir, enfatizando seu caráter suprapartidário e democrático. A quem interessar, o movimento dispõe de uma página no facebook para mais informações (facebook.com/mjuvabreu).

            Compartilhe essa notícia:

              Falta de funcionários leva IFPE a cancelar vagas do vestibular para Abreu e Lima

              abreu-e-lima-_foto-entrada-da-cidade-3

              Por conta da falta de servidores, professores e funcionários administrativos no campus Abreu e Lima do Instituto Federal de Pernambuco, o corpo gestor decidiu retirar as vagas destinadas ao município do vestibular. Com a alteração, a quantidade de vagas oferecidas passa de 2.206 para 2.062.

              Segundo a direção da instituição, a contratação do efetivo está em andamento. No entanto, como as vagas já são para o início do segundo semestre deste ano, foi avaliado que o tempo seria insuficiente para recepcionar os primeiros estudantes de cursos regulares da unidade.

              As oportunidades são para cursos técnicos, na modalidade subsequente, destinadas aos candidatos que possuem ensino médio completo. As vagas estão distribuídas pelos 15 campi da instituição, localizados em Afogados da Ingazeira, Barreiros, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Garanhuns, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Palmares, Paulista, Pesqueira, Recife e Vitória de Santo Antão.

              De acordo com o IFPE, metade das vagas oferecidas é destinada a quem cursou o ensino médio integralmente na rede pública de ensino. Ainda há subcotas para os candidatos autodeclarados negros, pardos e indígenas e para quem tem renda familiar per capta de até um salário mínimo e meio. Candidatos oriundos da Zona Rural também contam com reserva de vagas, caso optem pelos cursos com vocação agrícola.

              Para participar

              As inscrições começam na próxima segunda (27) e seguem até o dia 7 de maio, exclusivamente através do site www.ifpe.edu.br. É cobrada uma taxa de R$ 20, que pode ser paga até o dia 8 de maio em qualquer agência do Banco do Brasil. Quem não tem condições de arcar com esse valor pode pedir isenção da taxa de inscrição. A primeira fase do procedimento é realizada também através da internet no site cvest.ifpe.edu.br , entre os dias 27 e 29 de abril. Depois, o candidato deve procurar o campus onde pretende concorrer à vaga, no período de 28 a 30 de abril, das 9h às 12h e das 14h às 17h, para entregar a documentação exigida.

              A prova será aplicada no dia 14 de junho. Serão 30 questões de múltiplas escolhas, sendo dez de português, dez de matemática e outras dez de conhecimentos gerais. O resultado final será divulgado no dia 26 de junho.

              Mais informações podem ser obtidas através do telefone (81) 2125-1724 ou no portal do IFPE.

              Fonte: DP

              Compartilhe essa notícia:

                Escute entrevista de Éden Pedro na Rádio Nova

                Escute entrevista de Éden Pedro na Rádio Nova

                Na última segunda-feira (13) foi realizada uma entrevista com o Vereador de Abreu e Lima, Éden Pedro (PDT) no Programa Jota Junior, Rádio Nova Fm 106,4 com a participação do Informe-PE, representado por Paulo Fernando. confira a gravação do programa:

                Compartilhe essa notícia:

                  Mulher é levada a hospital psiquiátrico após tentar pular de árvore em Abreu e Lima

                  Uma mulher, de identidade não divulgada, foi conduzida na tarde desta sexta-feira (27) para o Hospital Psiquiátrico Ulisses Pernambucano, no bairro da Tamarineira, Zona Norte do Recife, após tentar se jogar de uma árvore com mais de 10 metros de altura, localizada em frente à Bombril, em Abreu e Lima, no Grande Recife.

                  De acordo com o Corpo de Bombeiros, a mulher chegou a invadir as dependências da fábrica de lã de aço. Ela foi resgatada durante um trabalho conjunto entre o Corpo de Bombeiros e o Ciods.

                  Do NE10

                  Compartilhe essa notícia:

                    Prefeitos se unem para criar Consórcio MetroNorte

                    Prefeitos do Litoral Norte

                    Na noite de ontem (12), no auditório do Centro de Artes, em Igarassu, prefeitos: Mário Ricardo de Igarassu, Cal Volia de Itapissuma e Marcos José de Abreu e Lima, assinaram o protocolo de intenções que cria o Consórcio MetroNorte envolvendo os três municípios. O objetivo do Consórcio é fortalecer os municípios para solução dos principais problemas sociais que possuem em comum.

                    O Consórcio tem a missão de planejar e executar ações nas áreas de turismo, saúde, mobilidade urbana educação, infraestrutura, meio ambiente, geração de emprego e renda, entre outras.

                    Os três municípios do Litoral Norte vivem um momento histórico, pois é a primeira vez que administrações municipais se unem para resolverem juntos, os principais problemas sociais de cada população.

                    Par este primeiro momento, daremos prioridade ao Plano de Saneamento Básico nos três municípios. Aproveito a oportunidade, para agradecer aos vereadores de nosso município pela sensibilidade na aprovação do Consórcio e também a todos os nossos servidores envolvidos, em especial a secretária de Planejamento Dolores Simões e a secretária adjunta, Glaucione Feitosa.

                    Foto: Assessoria da Prefeitura de Abreu e Lima

                    Compartilhe essa notícia:

                      “Conjunto de conquistas para servidores municipais em Abreu e Lima é um dos maiores obtidos em todo Brasil”

                       A afirmação é de Rosângela Silva, presidente do Sismal, sindicato dos servidores municipais

                      Camara de Abreu e Lima

                      Um dia para ficar na história para 578 servidores efetivos da Prefeitura de Abreu e Lima. O motivo não poderia ser melhor: reajuste salarial e ganhos trabalhistas que vinham sendo cobrados há mais de quinze anos pelos servidores públicos. O ato se consagrou nesta manhã de quinta-feira (5) com a aprovação por unanimidade pelos vereadores da cidade, dos Projetos de Lei enviados à Câmara Municipal pelo prefeito Marcos José, que previa aumento salarial para todas as categorias com reajustes percentuais que variam entre 15% a 92%, conforme tempo de serviço e categoria de cada servidor.

                      De acordo com Rosângela Silva, presidente do Sismal, Sindicato dos Servidores Municipais de Abreu e Lima, a aprovação destes benefícios dados aos servidores públicos, se caracteriza como uma das maiores conquistas do Sindicato. “Estamos corrigindo distorções salariais existentes há mais de 15 anos. Sem dúvidas, um conjunto de conquistas jamais obtido de uma única vez por uma categoria em todo Brasil”, enfatizou. Uma das categorias que foi bastante beneficiada foia  dos cargos técnicos. Eles recebiam como nível médio e a partir de agora, passam a receber na forma correta como técnicos, resultando num aumento salarial que varia entre 53% a 92%.

                      Já a categoria dos Agentes Comunitários de Saúde, os ACS, que em Abreu e Lima foram efetivados em 1º de janeiro de 2009 e contavam com 05 anos de serviço, além do piso implantado desde setembro de 2014, tiveram agora, a conquista da Averbação do Tempo, que em outras palavras, significa que o município reconhece a data do ingresso destes servidores no serviço público, os quais tiveram esse direito assegurado pela Lei Federal 11.350 (Lei de Efetivação dos ACS). A partir de agora, este tempo é contado dos anos 1994, 1998 e 2001.

                      Outra conquista obtida coma aprovação dos projetos, foi para os professores que passam a receber o mesmo percentual do Piso Nacional do Magistério, reajustado em 13,01%. Para os servidores públicos municipais, investir na carreira profissional pode render ganhos extras ao seu salário, a partir de agora. É que, com a conquista da Titulação, estes servidores passam a ter direito por cada titulo obtido. Ou seja, um servidor que ocupa um cargo de escolaridade de nível fundamental, receberá titulação por nível médio (10%), e da graduação até o doutorado (15%), cada.

                      O prefeito Marcos José comemorou a aprovação unanime feita pelos vereadores e parabenizou os servidores pela conquista e ao Sismal pela defesa da categoria. “A valorização do servidor municipal é uma prioridade deste governo e valorizar o profissional é fundamental para que toda a população abreulimense tenha uma prestação de serviço de qualidade. Infelizmente se durou tanto tempo para que estes servidores tivessem seus direitos reconhecidos, mas tudo tem sem tempo, e fico feliz por fazer parte dele”, finalizou o prefeito Marcos José.

                      Compartilhe essa notícia:

                        IFPE faz seleção simplificada de profissionais para o Pronatec

                        O Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) está com oportunidades para profissionais nas áreas de informática e administração, para atuarem nas unidades remotas de Abreu e Lima, Camaragibe e Vertente do Lério. A seleção simplificada é para técnicos subsequentes e de Formação Inicial e Continuada (FIC) do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

                        A remuneração dos profissionais selecionados para atuar no Pronatec é através da concessão de bolsas, sendo o valor da hora-aula R$ 50, podendo a carga horária máxima semanal ser de até 16 horas. As inscrições são presenciais e podem ser feitas na segunda-feira (2) e terça (3), com previsão de divulgação do resultado final em 9 de março.

                        Interessados devem levar o currículo resumido, acompanhado de comprovantes de experiência profissional, além de cópias autenticadas dos seguintes documentos: documento oficial com foto; CPF; título de eleitor com comprovante de quitação eleitoral emitido nos últimos 30 dias ou comprovante de votação das duas últimas eleições; certificado de escolaridade (curso técnico, graduação, pós-graduação) e comprovante de endereço.

                        Confira os locais e horários para inscrição:

                        – Campus Cabo de Santo Agostinho: Faculdade de Ciências Humanas do Cabo de Santo Agostinho – Rua Sebastião Joventino, s/n, Destilaria. Das 8h ao meio-dia.

                        – Campus Igarassu: Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas de Igarassu – Rodovia BR 101 Norte, Km 44, s/n°, Cruz de Rebouças. Das 13h às 17h.

                        – Unidade Remota Vertente do Valério: Rua Maria Olímpio Batista de Santana, n° 22, Centro. Das 8h ao meio-dia.

                        Do G1-PE

                        Compartilhe essa notícia:

                          Ministro de Dilma promete liberar verba para nova via entre Abreu e Lima e Igarassu

                          O ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, prometeu, nesta quarta-feira (25) a liberação de recursos para a construção de uma nova via entre os municípios de Abreu e Lima e Igarassu. A variante terá 14 quilômetros duplicados que, depois de pronta, acabará com os constantes engarrafamentos na BR-101 norte – atualmente, em horário de pico, o trecho de 9 km é percorrido em uma hora e meia.

                          Inicialmente, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) vai liberar R$ 4 milhões para a Secretaria de Transportes realizar o projeto executivo da obra, que custará R$ 140 milhões.

                          O anúncio feito por Rodrigues foi durante reunião com o secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira, e o deputado federal Anderson Ferreira. No último dia 23, a secretaria lançou edital do projeto executivo e a ida a Brasília foi no sentido de buscar apoio financeiro do ministério.

                          Após o estudo, que deverá ser concluído no final deste ano, haverá a licitação para a obra, no primeiro semestre de 2016. Sebastião Oliveira e Anderson Ferreira ressaltaram ao ministro Antônio Carlos Rodrigues que a nova via se faz necessária porque aquela área da Região Metropolitana do Recife (RM) e a Mata Norte de Pernambuco já são um polo industrial e é necessário que o fluxo de veículos se torne mais fácil.

                          Do Blog de Jamildo

                          Compartilhe essa notícia:

                            Tentativa de assalto a loja em Abreu e Lima termina com um suspeito preso

                            Tentativa de assalto a loja em Abreu e Lima termina com um suspeito preso

                            Um homem foi preso suspeito de tentar assaltar uma loja no centro de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. Outras três pessoas participaram da ação, mas conseguiram fugir. A tentativa de assalto foi na noite de terça-feira (24). Os bandidos chegam à loja e vão direto para a sala onde o dinheiro é guardado. Um deles aponta um revólver para duas funcionárias e o outro fica na porta. As imagens são do circuito de segurança e foram divulgadas pela polícia numa tentativa de identificar quem são esses assaltantes.

                            Numa ação rápida, eles recolhem R$ 10 mil em dinheiro e cinco celulares que estavam na vitrine. Os ladrões só não conseguiram levar a bolsa com os telefones e o dinheiro porque um outro funcionário acionou o alarme e policiais militares cercaram a loja no centro de Abreu e Lima. De acordo com a polícia, na fuga eles jogaram a bolsa no chão. Dos quatro suspeitos, três fugiram.

                            O que foi preso tem 22 anos e já esteve no Cotel pelo crime de porte ilegal de armas. Na delegacia, ele teria confessado a participação no assalto. “A participação dele foi efetiva. Ele ficou na parte de baixo da loja, com os funcionários, dando cobertura ao que subiu para a tesouraria para recolher o dinheiro”, detalha o delegado Alberes Félix.

                            Quem tiver informações sobre os suspeitos, pode ligar para o dique-denúncia: (81) 3421.9595. Não é preciso se identificar.

                            Fonte: G1-PE

                            Compartilhe essa notícia:

                              Compesa anuncia adutora para levar água do Rio Capibaribe para Botafogo

                              presidente da Compesa, Roberto Tavares

                              Uma obra foi anunciada pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para levar água do Rio Capibaribe para a barragem de Botafogo. A adutora deve melhorar os índices de abastecimento atual, que já provocam o racionamento de água em quatro municípios da Região Metropolitana do Recife. A medida foi anunciada pelo presidente da Compesa, Roberto Tavares, em entrevista ao Bom Dia Pernambuco desta quarta-feira (25).

                              Segundo Tavares, o problema no abastecimento foi discutido com o governador Paulo Câmara em reunião realizada na tarde da terça-feira (24). Na ocasião, foi aprovada a construção de uma adutora para levar parte da água do Capibaribe para a barragem, que fica em Igarassu e hoje conta com apenas 15,3% da sua capacidade. O nível não atingia níveis tão baixos desde 1999. Por isso, desde dezembro os munícipios de Igarassu, Abreu e Lima, Paulista e Olinda enfrentam um racionamento de água que deixa as casas por três a quatro dias sem água para cada dia de abastecimento.

                              “Serão mil litros [transpostos] por segundo. Com isso, mesmo tirando a vazão máxima de 800 litros por segundo, ainda vai sobrar agua. É uma vazão pequena para o rio, mas muito importante pra barragem”, afirma o presidente da Compesa. Roberto Tavares ainda afirmou que o empreendimento deve levar dez meses para ser construído, mas não falou quando as obras terão início. O presidente da Compesa também não informou qual o investimento previsto, nem a fonte dos recursos do empreendimento. Ele só acrescentou que, na reunião, o governador também aprovou a construção de mais duas barragens na Região Metropolitana do Recife: em Moreno e Ipojuca.

                              No sábado (21), quando o nível de Botafogo chegou a 16%, a Compesa já havia anunciado que seria necessário utilizar o volume morto da barragem caso a situação não melhorasse nos próximos 30 dias. O volume morto é aquele que fica abaixo do nível de captação (14%) e não é usado em condições normais. Nesta quarta, Tavares anunciou que a barragem já recebeu uma balsa que permite a retirada desta água.

                              Agreste
                              O presidente da Compesa também comentou a seca que atinge o Agreste do estado e revelou que vai levar o tema para uma reunião com representantes do Ministério da Integração na tarde desta quarta em Brasília. Ele afirmou que vai pedir recursos para a regularização das obras da Adutora do Agreste, que caminham a passos lentos desde o ano passado.

                              “A adutora do Agreste vai atender a região com o pior balanço hídrico do estado, mas está em um ritmo muito aquém do que gostaríamos, porque tem 90% de recursos federais. Nesta reunião, vamos colocar como prioridade a regularização da liberação dos recursos para que possamos dar um ritmo novo à adutora”, declarou Tavares. De acordo com os prazos iniciais, a adutora deve ficar pronta neste ano. O edital do empreendimento foi lançado em 2012. As obras tiveram início em junho de 2013 e deveriam durar dois anos.

                              Pirapama
                              Ao contrário do que acontece em Botafogo, a situação é tranquila na barragem de Pirapama, que fica no Cabo de Santo Agostinho e abastece os municípios do sul da Região Metropolitana do Recife. Segundo Tavares, hoje o nível da barragem é de 85%. A expectativa da Compesa é que o nível chegue a 100% com as chuvas dos próximos meses. 

                              Alto do Céu
                              Já a barragem do Alto do Céu apresentou um vazamento no bairro do Arruda, Zona Norte do Recife, e precisou ser paralisada nesta terça-feira. O conserto deve ser concluído até as 20h desta quinta (25). Mas, até então, 48 localidades do Recife e do Paulista ficam sem água.

                              Fonte: G1-PE

                              Compartilhe essa notícia:

                                Aumento do racionamento de água no Grande Recife não pode ser descartado, diz Compesa

                                Em entrevista à Rádio Jornal na manhã desta terça-feira (24), o presidente da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento), Roberto Tavares, afirmou que a possibilidade de aumentar o racionamento de água na Região Metropolitana do Recife (RMR) não pode ser descartada, apesar de os reservatórios que abastecem o Grande Recife operarem dentro da normalidade.

                                “Estamos tentando usar a flexibilidade operacional que nós temos para prolongar isso e ver se chega no regime de chuvas sem precisar”, disse Tavares. “Mas nós não vamos arriscar [deixar faltar água]”, completou. A declaração ocorre dois dias depois que o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), revelou preocupação com o abastecimento de água na RMR.

                                Nas cidades da parte norte do Grande Recife, o racionamento foi aumentado depois que o Reservatório de Botafogo chegou a apenas 16% da capacidade. Na semana passada, a Compesa anunciou que pode ser que usar o volume morto de Botafogo para continuar abastecendo as cidades de Olinda, Abreu e Lima, Igarassu e Paulista.

                                “Apesar do conforto que temos hoje na Metropolitana Sul, a gente sabe que não aguenta um ano e meio ou dois anos e seca”, admite Roberto Tavares, que lembra o racionamento realizado em 2013 por causa da falta de água no Reservatório de Pirapama.

                                Nesta terça-feira (24), o presidente da Compesa vai se reunir com o governador Paulo Câmara para apresentar a situação de abastecimento de todas as regiões de Pernambuco.

                                O Governo do Estado trabalha agora com a possibilidade de acelerar obras de segurança hídrica, como as barragens do Engenho Pereira, em Moreno, e do Engenho Maranhão, em Ipojuca, e a transposição das águas do Rio Capibaribe para o Lago de Botafogo.

                                Além disso, técnicos da Compesa e do governo estarão reunidos nesta quarta (25) e quinta (26) com representantes do Ministério da Integração Nacional para tentar liberar recursos para agilizar a conclusão da Adutora do Agreste.

                                “Nós precisamos que o governo federal acelere e pactue o volume de recursos que vai passar para a gente, para que a gente possa resolver essa obra em 12 meses”, afirma Tavaes.

                                Ele nega que a construção da Adutora esteja paralisada, mas reconhece que as obras estão num ritmo aquém do desejado.

                                Segundo o presidente da Compesa, R$ 350 milhões já foram investidos na Adutora do Agreste, mas outros R$ 770 milhões são necessários para concluí-la.

                                Além disso, a Companhia apresentou ao Ministério da Integração o projeto para construir uma nova adutora capaz de agilizar a captação de água da Transposição do Rio São Francisco, ainda em andamento, para abastecer a Adutora do Agreste.

                                Do blog de Jamildo

                                Compartilhe essa notícia:

                                  Blogueiros e Radialistas do Litoral Norte se reúnem

                                  AblogPE Paulista

                                  No último dia 30 de Janeiro, Blogueiros, Radialistas e Jornalistas do Litoral Norte se reuniram com a coordenação da Associação de Blogueiros de Pernambuco (Ablog-PE), na Cidade do Paulista, uma reunião organizada pelo Blogueiro, Paulo Fernando do Informe-PE, para tratar ações pontuais da agenda de ações da entidade da comunicação.

                                  Na oportunidade, Lissandro e Lúcio Cabral apresentaram a importância dos Blogs e Sites, Web TVs, Rádios Webs e Comunitárias, principais veículos da mídia alternativa.

                                  A cobrança por união de todos os presentes foram também um dos objetivos, cobrar dos Deputados na Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALEPE) a aprovação do projeto de lei, de autoria do Deputado Ricardo Costa (PMDB), que visa democratizar o valor de 5% das verbas publicitárias dos três poderes do Estado para a mídia alternativa e independente.

                                  Durante a reunião foram discutidos vários pontos, como formas de atuação do grupo na região, formato de eventos, alternativas, apoios, parcerias e o terceiro encontro estadual de Blogueiros e Redes Sociais.

                                  A importância da comunicação para a região, o papel desempenhado ao longo desses anos e as perspectivas de atuação em rede no Litoral Norte para a fomentação do debate em comunicação e o fortalecimento da blogosfera e das mídias alternativas junto à população.

                                  Paulo Fernando, Informe-PE, Blogueiro

                                  Para Paulo Fernando a reunião pode aproximar ainda mais todos que fazem parte da comunicação do Litoral Norte do Estado, podendo traçar metas para este grupo que se fortalece a cada dia e juntar forças para conquistar benefícios em prol da classe. “Nosso objetivo foi reunir Blogueiros e as demais mídias alternativas da região para que haja uma integração, que assim se discuta questões relacionadas à liberdade de Imprensa e de expressão na Internet. Esse grupo hoje saiu desta reunião com um alinhamento de visões que devemos mostrar a sociedade” pontuou Paulo Fernando.

                                  O evento:

                                  Os encontros de blogueiros e ativistas em redes sociais de Pernambuco já se consolida como um dos maiores eventos do gênero no país. Em 2014 o Blogueiro Ricardo Noblat foi um dos palestrantes onde foi reunindo 200 participantes para discussões sobre a democratização dos meios de comunicação, internet, banda larga, blogs e redes sociais.

                                  A Ablog-PE se organiza para realizar 3º encontro ainda o primeiro semestre deste ano, possivelmente será realizado em Olinda ou Recife. Em breve será divulgado a data do evento com seus palestrantes.

                                  Redação do Informe-PE, Por Rafaela Martins / Fotos: Klyvio Oliveira

                                  Compartilhe essa notícia:

                                    Ambientalista diz que Compesa mente sobre causas da crise hídrica na Barragem de Botafogo

                                    Por Herbert Tejo
                                    Presidente do Fórum Sócio Ambiental de Aldeia (FSaA)

                                    Na semana passada, a Compesa anunciou o estado de quase calamidade em que a Barragem de Botafogo se encontra.

                                    Com apenas 16% de sua capacidade, e caindo, o baixo nível da reserva já prejudica quatro municípios do norte do estado (Olinda, Igarassu, Paulista e Abreu e Lima), que desde dezembro de 2014 tem seu fornecimento racionado.

                                    A explicação do órgão público é a de falta de chuvas.

                                    Para o Fórum Socioambiental de Aldeia, a informação não é correta e basta analisar os gráficos das precipitações pluviométricas dos últimos anos para provar esta afirmação.

                                    Através de gráficos de estudos em dois dos principais postos de medição pluviométrica localizados na área de influência da barragem – Igarassu (Barragem Catucá) e Araçoiaba (Granja Cristo Redentor, que iniciou medições em 2013), o FSaA demonstra a discrepância existente entre os dados apresentados à mídia e à população e os registrados pela APAC (Agência Pernambucana de Água e Clima).

                                    “Definitivamente não se pode atribuir à falta de chuva o colapso da Barragem Botafogo, e por consequência o déficit do Sistema Botafogo, do qual a represa é o principal protagonista, mas não único. É uma tese falsa. É uma ideia que tenta camuflar as verdadeiras razões pelo colapso que passa a represa”, diz o engenheiro Herbert Tejo, presidente do FSaA. No gráfico, lê-se uma comparação entre os índices das estações Catucá e Araçoiaba nos anos 2013 e 2014:

                                    “Como moradores de Aldeia e, portanto, residentes da área de influência da Barragem de Botafogo, definitivamente não foi o que observamos ao longo de 2014. Pelo contrário, foi um ano que choveu bem. Quem pedalava nas trilhas de Aldeia enfrentou lama o ano inteiro, gramados praticamente não foram aguados e permaneceram verdes, enfim, a lembrança é a de um ano chuvoso!”, diz Tejo.

                                    “Deveria, portanto, haver algo errado”, diz.

                                    Para o presidente da entidade ambientalista, o problema é que o Estado de Pernambuco e a Compesa não cuidam dos rios que alimentam o Sistema Botafogo, nem do território que forma a bacia hidrográfica de seus mananciais.

                                    “A verdade é que desde o início da operação do sistema, em 1986, o que se tem visto é destruição de matas, de matas ciliares, de matas que protegem as nascentes e os cursos dos rios, da extinção de nascentes, do adensamento populacional em Área de Proteção de Mananciais”, diz Herbert Tejo. “Sem matas não há nascentes nem rios e que o caso Cantareira está estampado na mídia mostrando na pele de milhões de pessoas esta verdade”.

                                    Segundo Herbert Tejo, ironicamente no mesmo ano de 1986 foi decretada uma lei estadual (a nº 9.860, de 12 de agosto), cujo objetivo era “Delimitar as áreas de proteção dos mananciais de interesse da Região Metropolitana do Recife, e estabelecer condições para a preservação dos recursos hídricos”.

                                    “Ocorre que essa Lei é desrespeitada sistematicamente pela CONDEPE/FIDEM e pela CPRH, responsáveis pelo licenciamento de empreendimentos. Condomínios e loteamentos pipocam na região, provocando adensamento populacional, o que contraria frontalmente o espírito da lei e suas determinações”, afirma.

                                    “As duas instituições autorizaram a construção de um complexo de termelétricas que queimam 3.000.000 (três milhões) de litros de óleo diesel por dia exatamente defronte da represa de Botafogo! Dentro da área central da bacia hidrográfica, onde se situam os rios que compõem o sistema. Como se não fosse suficiente, a CONDEPE/FIDEM defende um trajeto de ARCO VIÁRIO que destruirá as matas que protegem as nascestes dos rios PITANGA e UTINGA, depois do CATUCÁ, os principais rios que formam o Sistema Botafogo. É surreal!”, diz, declarando-se espantado.

                                    Para os vários profissionais que compõem o FSaA – entre eles engenheiros, biólogos e agrônomos – diversos elementos influenciam a queda drástica nos níveis d’água do reservatório. Porém, o volume de chuvas certamente é o que menos sugere o colapso. De acordo com os estudos da entidade, os fatores principais são outros.

                                    “A falta de vegetação ciliar ao longo dos rios Catucá, Cumbe, Pilão e Arataca/Jardim que alimentam a represa, a falta de vegetação ciliar na própria represa e em seu entorno ampliado que resulta num alto grau de evaporação, a desertificação da região, a provável perda ao longo do sistema, o provável aumento do consumo e o assoreamento resultante do desmatamento”, lista.

                                    “Concluindo, fica o questionamento do Fórum Socioambiental de Aldeia sobre a correção dos dados divulgados pela Compesa e o porquê do segredo. Fica também a pergunta às autoridades e à própria população pernambucana. Que tipo de futuro estamos preparando para as novas gerações e para nós mesmos, já que as consequências do descaso já estão aí assombrando em forma de racionamento e com o caso Cantareira que não nos deixa esquecer?

                                    Compartilhe essa notícia:

                                      Compesa se prepara para usar volume morto da Barragem de Botafogo

                                      Compesa se prepara para usar volume morto da Barragem de Botafogo

                                      A Barragem de Botafogo, em Igarassu, está com apenas 16% da sua capacidade em função da pior seca dos últimos 50 anos. Em dezembro passado, esse número era 22%. A companhia informou, nesta sexta-feira (20), que, caso não chova nos próximos 30 dias, terá que fazer uso do volume morto. A expectativa dos técnicos da companhia é que isso ocorra quando o reservatório atingir 14% do seu volume total.

                                      Para preservar o manancial até maio, período habitual das chuvas, a Compesa decidiu, no final do ano passado, ampliar o racionamento em vários bairros das cidades de Olinda, Abreu e Lima, Igarassu e Paulista, que são abastecidas por este sistema. A iniciativa atingiu cerca de 300 mil pessoas.

                                      No entanto, no carnaval essa mesma Barragem de Botafogo abasteceu diariamente Olinda, que normalmente passa três dias sem água e um dia com. A Reportagem do Diario pediu esclarecimentos à Compesa para saber o quanto o cancelamento do racionamento durante a festa influenciou nesse quadro. O diretor Regional Metropolitano da Compesa, Fernando Lôbo, afirmou que a ampliação do uso do reservatório durante o carnaval foi feito com base em uma simulação de que não haveria risco de colapso.

                                      “A utilização do volume morto já era prevista. Mas estamos pedindo o apoio da população para evitar o desperdício”, ressaltou. Ainda segundo Lôbo, o prejuízo de não ter água durante o carnaval seria maior, com riscos à saúde das pessoas.

                                      Visita – Fernando Lôbo esteve nesta sexta-feira (20) na barragem, acompanhado de técnicos, para checar a situação do manancial. Segundo ele, a Compesa está se antecipando aos fatos. Para acessar o volume morto a companhia irá usar bombas submersas fixadas em uma balsa para fazer o bombeamento da vazão de 200 l/s, quando o nível da barragem estiver abaixo da última tomada de água. O flutuante, como a balsa é chamada, só será usado quando o nível na barragem não mais permitir a captação por gravidade através da comporta localizada na torre da tomada de água.

                                      “A partir desta data, se não chover, a única alternativa será usar o volume morto. A medida é preventiva e demonstra a nossa preocupação com o abastecimento”, afirmou o diretor. A Barragem de Botafogo detém atualmente o pior volume de armazenamento de água da RMR. Esta é a segunda pior crise da barragem desde a sua inauguração, em 1980. Sob o efeito do El Niño, em 1999, o reservatório atingiu 8% da sua capacidade, quando foi usado o volume morto.

                                      Alternativas – Atualmente, a Compesa, além de se preparar para utilizar o volume morto, está buscando viabilizar, através do Governo do Estado, recursos financeiros junto ao Ministério da Integração visando a execução de obras emergenciais para atender essa região. Um dos projetos é a transposição do Rio Capibaribe para a Barragem de Botafogo. O investimento será de cerca de R$ 30 milhões e o projeto já está finalizado. Outro empreendimento é a obra de ampliação do sistema adutor a partir do Rio Arataca. Essa alternativa também já foi apresentada ao Ministério da Integração e encontra-se em elaboração o Termo de Referência para contratação do projeto.

                                      Do Diario de Pernambuco

                                      Compartilhe essa notícia:

                                        Interno da Funase morre após ser espancado e torturado em Abreu e Lima

                                        Interno da Funase morre após ser espancado e torturado em Abreu e Lima

                                        Um reeducando da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) foi encontrado morto dentro da unidade em Abreu e Lima, no Grande Recife, nesta terça-feira (18). Dois outros internos foram apontados como autores do crime. Luiz Carlos da Silva, que completou 18 anos no dia anterior, teria sido alvo de um castigo por desrespeitar uma norma entre os companheiros de cela. Segundo agentes penitenciários, a vítima foi espancada e torturada com choque elétrico. O corpo foi achado no setor 14 durante uma revista de rotina.

                                        Todos os envolvidos foram ouvidos pela delegada Josineide Confessor. Segundo ela, houve desentendimento porque o menor estava descalço e sem camisa no setor de visitas da unidade, mas já existia uma rixa entre os internos. O corpo do jovem foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

                                        Da TV Jornal

                                        Compartilhe essa notícia:
                                          background webcam girls live sex webcam lesbians Mature webcams gay webcams live sex cams webcam boys webcam Couples fetish webcams shemale webcams live cams webcam sex