terça-feira, outubro 17, 2017
Home > Concurso > Defensoria faz concurso público

Defensoria faz concurso público

A Defensoria Pública de Pernambuco (DPPE) anunciou, no Diário Oficial do Estado, a realização de concurso para preenchimento de 50 vagas. O certame será o terceiro da história da instituição voltado ao ingresso de candidatos na carreira inicial de defensor. 

O edital com os salários, valor da taxa de inscrição e o cronograma deve sair até outubro. As provas serão aplicadas pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Também será formado cadastro-reserva.

Para ser aprovado e classificado é preciso ser brasileiro nato ou naturalizado, ter ao menos 18 anos e declarar se tem ocupação ou não de outro cargo, emprego ou função pública. Também é necessário ser bacharel em Direito e haver exercido atividade jurídica por, no mínimo, três anos contados até a data da posse. Considera-se atividade jurídica o exercício da advocacia, de cargos, empregos ou funções que exijam o uso de conhecimento preponderantemente jurídico, de magistério superior ou de estágio oficial de Direito, anterior à colação de grau.

A primeira fase será constituída de prova escrita, com questões objetivas e de múltipla escolha. Já a segunda terá provas com questões discursivas e práticas. Ainda haverá fases com provas orais e de títulos. Serão abordados temas relacionados aos direitos Civil, Constitucional, Processual Civil, do Consumidor, Penal, Processual Penal, das Execuções Penais, da Infância e Juventude, Tributário, Administrativo, Humanos e Institucional. Outras informações podem ser obtidas no Diário Oficial do Estado, por meio do link bit.ly/2guLoH5.

PGE

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) também fará seleção para preencher cinco vagas de calculistas. O certame será uma seleção simplificada, para contratação temporária por dois anos prorrogáveis, e está com inscrições abertas até o dia 15. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, com remuneração de R$ 3,3 mil.

Podem se inscrever apenas candidatos que tenham graduação completa de nível superior e experiência profissional comprovada de, no mínimo, um ano na área de cálculos judiciais e trabalhistas. O candidato deve preencher o formulário de inscrição no site www.pge.pe.gov.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *