1º dia do 3º BLOGGER-PE “A Comunicação no Centro do Debate” 27 de Março 2015

Compartilhe essa notícia:

    Comerciantes denunciam abandono de quiosques na orla de Boa Viagem

    A orla de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, convive com cenários bem distintos. Enquanto o Segundo Jardim acaba de ganhar um complexo de lazer financiado pela iniciativa privada, os barraqueiros denunciam a falta de manutenção dos quiosques e dos banheiros instalados na avenida. A situação de algumas barracas é precária. Por causa da ferrugem, lonas se partiram e comerciantes tiveram que improvisar para mantê-las presas à estrutura.

    A chuva danificou vários tetos de madeira e, devido à infiltração, a instalação elétrica foi danificada e os eletrodomésticos dão choque. A falta de segurança também está tirando o sono dos barraqueiros. Um dos quiosques foi arrombado sete vezes apenas este mês.

    O quiosque de número 32 é um acúmulo de problemas. Há mais de um ano, a lona que protege a barraca se soltou e não houve nenhum tipo de manutenção. Parte do madeiramento apodreceu e teve que ser retirada, deixando buracos na estrutura. “Por mim, o quiosque pode cair. É um descaso completo da prefeitura com a gente”, critica a comerciante Nice Moreira, dona da barraca. Alvo frequente de marginais, Nice é a expressão da revolta. “Este mês, meu quiosque foi arrombado sete vezes. Escreva aí, moça. Sete vezes. Levaram tudo. Televisão, aparelho de DVD, grill, uísque, caixas de cerveja, de refrigerante. Estamos completamente abandonados aqui”, reclama.

    Para piorar, pelo menos seis banheiros da orla estão fechados ou funcionando apenas algumas horas do dia. Os que estão completamente sem uso ficam nas imediações do Edifício Acaiaca, da Padaria Boa Viagem e do Hotel Transamérica. O problema maior é a falta de manutenção. Segundo os barraqueiros, a empresa encarregada pelo serviço não recebe pagamento há vários meses e parou de prestar assistência no local. “Desde o último dia 16 não aparece ninguém aqui. No dia seguinte, uma bomba-d’água foi roubada. Outras duas estão quebradas. Há banheiros entupidos e sem nenhuma condição de serem usados por falta d’água”, conta Franklin Pinheiro, encarregado da empresa que atua na limpeza e conservação dos banheiros.

    Do JC

    Compartilhe essa notícia:

      Tempo de espera nas filas de banco é pauta de reunião no Ministério Público

      Uma reunião entre o Ministério Público de Pernambuco, o Procon-PE, órgãos em Defesa do Consumidor e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) ocorre no Ministério Público, localizado no Centro do Recife, na manhã desta sexta-feira (27).

      Segundo o Procon, a principal pauta tratada nesta reunião é o descumprimento da lei de espera nas filas de agências bancárias. O tempo hábil para atendimento, que deve ser de no máximo 15 minutos em dias normais, é de 30 minutos nos primeiros e últimos cinco dias do mês, período de pagamentos de contas e recebimentos de salários.

      Algumas agências bancárias do município de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, chegaram a ser fechadas em 2014 por causa da demora nos atendimentos.

      Compartilhe essa notícia:

        Oposição vai fazer série de vistorias em obras de mobilidade

        Buscando se aproximar da sociedade, a bancada de oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) prepara uma série de vistorias às obras de mobilidade urbana no Grande Recife para o mês de abril.

        A mobilização começou nessa quinta-feira (26), quando deputados do PTB foram conferir o andamento do Corredor Leste-Oeste, parte do pacote de mobilidade para a Copa de 2014. As intervenções estão orçadas em R$ 145 milhões e só devem ficar prontas no final deste ano.

        “Estamos cobrando que o governador Paulo Câmara apresente um plano de obras estratégias de mobilidade urbana para a Região Metropolitana”, explica o deputado Silvio Costa Filho (PTB), líder da oposição.

        Durante a vistoria, o secretário das Cidades, André de Paula (PSD), chegou a ligar para os parlamentares e marcou um encontro para depois da Páscoa, em que promete discutir o andamento técnico das obras.

        Para o líder do governo, Waldermar Borges (PSB), os problemas apontados pela oposição no corredor são normais para uma obra que está incompleta.

        ITAQUITINGA – Além das vistorias em projetos de mobilidade, a oposição também promete retornar ao Presídio de Itaquitinga, na Mata Norte, no mês de abril.

        Em fevereiro, em uma visita de surpresa, os deputados foram impedidos de entrar na unidade prisional, que tem obras paradas desde 2012.

        Dessa vez, uma solicitação formal foi enviada ao interventor do governo, Renato Thièbaut.

        Compartilhe essa notícia:

          Canhões de ferro do Forte de Pau Amarelo são descaracterizados com pintura

          Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

          O Forte de Pau Amarelo, construção do século 18 na orla de Paulista e tombada como monumento nacional desde 1938, teve os seis canhões de ferro cobertos com tinta na cor ouro velho. De acordo com moradores, a pintura apareceu pouco antes do Carnaval, em fevereiro de 2015. Mas o secretário de Turismo da cidade, Rafael Siqueira, afirma que a prefeitura não fez intervenções recentes no local.

          “Não teve pintura no forte na atual gestão, os canhões estão do jeito que recebemos”, garante Rafael Siqueira. “Qualquer obra lá depende de autorização do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), porque a fortaleza é tombada”, acrescenta. Uma foto de arquivo do JC, feita em 2013, mostra os canhões sem pintura.

          “Encontramos preservativos usados e cacos de vidro no chão. Não esperávamos isso numa área histórica. Poderia ter uma pessoa para receber os visitantes”, ressaltam Lúcia e a nora Érika Alvarenga Dias. No acesso ao terraço, (a área dos canhões) elas ainda passaram por uma cueca marrom largada na rampa.

          A professora Izabel Araújo, moradora do Janga, caminhava no entorno do forte e disse que só entrou na edificação uma vez, há muitos anos. “Deveria ser um espaço de visitação, mas faltam atrativos”, comenta Izabel.

          O secretário Rafael Siqueira espera mudar o cenário com a execução do projeto de recuperação da fortaleza, anunciado desde outubro de 2013 e nunca executado. A proposta, diz ele, prevê instalação de museu nas salas térreas, totem interativo e centro de atendimento ao turista.

          Essa não é a primeira vez que o Forte de Pau Amarelo é pintado de forma equivocada. Tempos atrás, as molduras de cantaria (pedra) em volta das janelas e portas ganharam coloração alaranjada.

          O superintendente do Iphan, Frederico Almeida, não foi localizado para comentar o assunto.

          Do JC

          Compartilhe essa notícia:

            Professores de Pernambuco se reuniram em assembleia para definir rumos da paralisação

            Profissionais de educação participaram da terceira assembleia geral da categoria na manhã desta sexta-feira (27). De acordo com os organizadores da reunião, cerca de 1.500 pessoas estiveram presentes no Teatro da Boa Vista, no bairro da Boa Vista, área Central do Recife, para participar da assembleia, que traçou pautas de reivindicações da categoria.

            Servidores, estudantes da rede pública e representantes de associações de defesa da educação assinaram o documento com os três eixos principais: Valorização Profissional, Benefícios, Questões Administrativas.

            Dentre as principais reclamações dos profissionais de educação do Estado está um projeto de lei que reajusta em 13,01% apenas o salário dos professores com magistério e 0,89% para quem tem nível superior e trabalha há menos de dez anos na rede. A mobilização dos profissionais pede que a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) suspenda esse projeto.

            Os professores estão em estado de greve desde a última semana.

            A justificativa é que, da maneira como o PL está, a medida achata o Plano de Cargos e Carreira da categoria e deixa de fora do reajuste salarial. Os profissionais afirmam ainda que a medida descumpre a Lei do Piso Nacional, que prevê diferentes valores e reajuste entre as categorias.

            O documento assinado nesta sexta-feira será apresentado na próxima segunda-feira (30) ao secretário de Administração do Estado, Milton Coelho. Os profissionais pretendem realizar uma mesa de negociações neste mesmo dia e, na terça-feira (31), haverá uma nova assembleia realizada em frente à Alepe a partir das 14h.

            A previsão é que no dia 31 a representação sindical apresente os resultados da negociação.

            Compartilhe essa notícia:

              Durante Paixão de Cristo, Paulo Câmara e Eduardo Campos são homenageados por artistas

              O governador Paulo Câmara (PSB) assiste, nesta sexta-feira (27), o espetáculo da Paixão de Cristo em Nova Jerusalém, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste, às 18 horas. Mais cedo, às 14h30, o governador será homenageado pelo Troféu Diva Pacheco Paixão Cultural, promovido pela Associação dos Produtores e Artistas de Pernambuco (APA), que busca reconhecer aqueles que mais contribuíram e incentivaram a cultura pernambucana em 2014.

              Além de Paulo Câmara, também são homenageados os artistas Mestre Camarão e Claudionor Germano e a empresária Josimary Cantarelli, na categoria iniciativas privadas.

              Dentre os premiados estão o secretário estadual de Turismo, Felipe Carreras; o administrador de Fernando de Noronha, Reginaldo Valença; e o prefeito de Bom Jardim, Miguel Barbosa.

              In-memória, também serão homenageados o ex-governador Eduardo Campos, o escritor Ariano Suassuna, e Jaílson Matoso.

              Compartilhe essa notícia:

                Prefeitura sanciona plano de cargos e carreiras para orquestra e banda sinfônica do Recife

                Pleito histórico dos músicos da Banda Sinfônica (BSR) e da Orquestra Sinfônica (OSR) do Recife, que buscavam a revisão da carreira desde 2001, o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) da categoria foi sancionado na manhã desta sexta-feira (28) pelo prefeito Geraldo Julio, durante coletiva de imprensa no Museu da Cidade. Os aumentos salariais e demais benefícios já entram em vigor neste mês de março.

                Além do prefeito, estavam presentes na cerimônia a secretária de Cultura Lêda Alves, os maestros Marlos Nobre (OSR) e Nenéu Liberalquino (BSR) e o secretário de Administração, Marcone Muzziu.

                O salário base passa de R$ 1,2 mil para R$ 3,6 mil. Além disso, a categoria do músico, tanto na banda quanto na orquestra, será dividida em 15 níveis, que serão alcançados de acordo com o tempo de serviço, podendo o trabalhador chegar a ganhar na casa dos R$ 7 mil, no nível mais alto.

                O regente responsável pela OSR, Marlos Nobre, comemorou a aprovação do projeto, como mais uma vitória desde que ele começou a gerir a orquestra, em 2013. “Quando eu entrei aqui, em junho de 2013, havia uma total desorganização da orquestra, estava não só desestimulada, mas com todo o problema de cargos e salários, a orquestra tinha a vida financeira e artística danificada”, contou o maestro em entrevista ao JC no último dia 17 de março, quando a Câmara do Recife aprovou por unanimidade o plano.

                A intenção do regente, a partir de agora, é realizar um concurso para preencher 38 vagas que estão pendentes no quadro da OSR. “Como não havia um plano de cargos e carreiras, os músicos não se empolgavam em participar. Agora, vamos abrir concurso e investir na geração jovem de músicos do próprio Recife”, declarou.

                Compartilhe essa notícia:

                  Dilma Rousseff convida ex-tesoureiro da campanha Edinho Silva para assumir Secretaria de Comunicação

                  Edinho Silva assume ministério da Comunicação Social. Foto: divulgação.A presidente da República Dilma Rousseff convidou, nesta sexta-feira (27), o ex-tesoureiro da sua campanha, o petista Edinho Silva, para assumir o cargo de ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, um dia depois de o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, Thomas Traumann, pedir demissão. A posse está marcada para o dia 31 de março, às 11h.

                  A indicação de Edinho vinha sendo especulada, mas o petista estava dando aulas em uma faculdade particular e negava que aceitaria qualquer convite para voltar ao governo federal.

                  A troca de secretário aconteceu exatamente uma semana após Cid Gomes pedir o desligamento do Ministério da Educação.

                  Edinho será responsável por controlar diretamente uma verba publicitária próxima a R$ 200 milhões ao ano.

                  Como é de costume, a presidente agradeceu a competência, dedicação e lealdade de Traumann no período como ministro e porta-voz.

                  Na mesma quarta-feira, o líder da Oposição na Câmara, deputado Bruno Araújo (PSDB-PE), também aprovou nas comissões de Fiscalização Financeira e Controle e de Ciência e Tecnologia requerimentos para que Thomas Traumann explicasse à Casa denúncias de supostas contratações de robôs e financiamentos de blogs para favorecer o governo federal.

                  Semana passada, o portal do jornal O Estado de S. Paulo divulgou matéria que revela um suposto documento elaborado pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) admitindo comunicação “errática” e defendendo mais propaganda em São Paulo, circulou entre os ministros, dirigentes do PT e assessores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

                  Segundo o portal, o documento elenca algumas propostas nitidamente ilegais. O texto admite que os ditos “blogs progressivos”, popularmente conhecidos como “blogs sujos”, atuem de maneira coordenada com o governo.

                  De acordo com informações extra-oficiais, ele já havia pedido a Dilma para sair deste dezembro do ano passado. A carta pode ter sido um desabafo pessoal.

                  Compartilhe essa notícia:

                    Quem gosta de falta de democracia pode flertar com impeachment, diz Berzoini

                    Foto: Sérgio Bernardes/JC Imagem

                    Em meio à tentativa do governo federal de superar a crise política e minimizar o efeito dos protestos contra a presidente Dilma Rousseff (PT) ocorridos em todo o País, o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini (PT), disparou contra os movimentos que pedem o impeachment e a volta do regime militar. “Quem gosta de golpe e de falta de democracia pode flertar com esse tipo de situação. Nós não flertamos”, disse Berzoini, nesta sexta-feira (27).

                    O ministro veio ao Recife para a inauguração do primeiro laboratório para testar aplicativos em dispositivos móveis fora de São Paulo, que está sendo instalado no Porto Mídia, braço de economia criativa do Porto Digital. O projeto, que já passa a funcionar, apesar de estar 20% pronto, está sendo feito com um investimento de R$ 7 milhões do governo federal.

                    Após o evento, Berzoini foi procurado por militantes da União da Juventude Socialista (UJS), que pediram que ele assinasse uma petição pela democratização da mídia no Brasil. O petista se recusou a endossar o documento. “Eu não assino nada assim, repentinamente. Só lendo com calma”, explicou aos jovens.

                    “Sou favorável a um amplo debate sobre esse tema. Esse tema tem que ser debatido até porque muito do que se fala em relação ao tema, às vezes quando a gente vai analisar a legislação que existe, já está contemplado. Mas tem partes que não estão contempladas. E é preciso a sociedade disseminar todos os debates sobre isso. Eu apoio todos os debates que possam contribuir para uma democracia ampla em todos os setores da sociedade, inclusive nas telecomunicações”, justificou o ministro.

                    Ex-ministro da Previdência, do Trabalho e das Relações Institucionais, Berzoini evitou falar sobre uma possível reforma ministerial no governo federal nas próximas semanas. “Isso é problema da presidenta da República. Eu sou assessor da presidenta”, limitou-se a afirmar.

                    PIB E EDUARDO CAMPOS – Questionado sobre o resultado do PIB de 2014, que mostra um crescimento de apenas 0,1% na economia nacional. “A economia brasileira vive uma transição entre o momento em que nós fizemos todo o esforço contracíclico para viabilizar a manutenção do emprego e da renda para uma nova estratégia de crescimento. Isso exige ajustes orçamentários”, defendeu.

                    “Nós temos que ter firmeza. Ter capacidade de enfrentar essas dificuldades da economia mundial, que também são nossas, para que nós possamos continuar aquilo o que foi feito em 12 anos”, disse. Berzoini lembrou que o Brasil gerou 20 milhões de empregos durante os governos petistas e elevou o valor do salário mínimo.

                    O ministro também defendeu a necessidade de dialogar mais com o Congresso e com o povo para superar a crise política. “O fundamental é dialogar e ser transparente com a população. É isso o que faz uma saudável interlocução política que dê resultados. Inclusive para provar que aquilo o que é necessário. Sempre partindo do pressuposto de que o governo não é o dono da verdade”, avaliou.

                    Durante o discurso, Berzoini elogiou o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, que faleceu no ano passado em plena campanha presidencial, ao pedir à secretária de Ciência e Tecnologia, Lúcia Melo, que transmitisse um abraço dele ao governador Paulo Câmara (PSB), afilhado de Campos.

                    “Mandar meu abraço para o governador. Uma pessoa de muito diálogo e muito interesse em integrar as ações federais e as ações estaduais. Assim como foi o nosso querido, e amigo pessoal, ex-governador Eduardo Campos, por quem eu tenho muita afeição e saudade, por seu desaparecimento precoce. Era uma pessoa que tinha muito a contribuir com o Brasil”, declarou.

                    Do blog de Jamildo

                    Compartilhe essa notícia:

                      3º BloggerPE será transmitido ao vivo

                      AblogPE

                      Neste final de semana, as lentes das câmeras fotográficas, de smartphones e tablets estarão voltadas para Olinda. Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade, a cidade recebe o 3º Encontro Estadual de Blogueiros que irá promover ações propositivas acerca do setor de Comunicação no Brasil.

                      Em tempo real, o hotsite e o facebook oficial do #3bloggerpe estarão atualizados, cobrindo na primeira noite o jornalista Altamiro Borges (presidente do Instituto Barão de Itararé). Conhecido por Miro, Altamiro abre o evento com a conferência: “Democratizar é preciso – pela regulamentação econômica da mídia”.

                      Direto de Berlim, na Alemanha, o brasileiro Gustavo Guimarães vai acompanhar toda a transmissão. Formando pela Lawrence University, nos Estados Unidos, Guimarães é pesquisador convidado pela Fundação Alexander von Humboldt. “Quero muito prestigiar, divulgar e mostrar na Europa a união da blogosfera no Brasil”, frisou.

                      O 3º Blogger é destinado aos produtores de conteúdo para mídias digitais, publicitários, jornalistas, radialistas, estudantes de comunicação social, informática e direito. O evento é promovido pela Associação dos Blogueiros de Pernambuco (AblogPE) e o Centro de Estudos Barão de Itararé. Confira a programação completa AQUI.

                      E você? Compre já sua pipoca, refrigerante e assiste as palestras, transmitidas ao vivo via Youtube (www.youtube.com.br/ablogpe).

                      Compartilhe essa notícia:

                        Efeito lava jato: 250 mil demitidos na construção

                        construção-civil

                        A Operação Lava Jato causou um forte efeito negativo na construção civil. O setor registrou nos últimos cinco meses, de outubro a fevereiro, a perda de 250 mil empregos formais, com carteira assinada, segundo dados do Caged – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho.

                        Na opinião do ministro do Trabalho, Manoel Dias, a investigação de esquema de corrupção em contratos da Petrobras, envolvendo políticos e empreiteiros, fez com que houvesse demissões em empresas que prestam serviços à estatal. “Neste primeiro momento, a Lava Jato influenciou na redução de emprego”, disse ele na semana passada, quando foram divulgados os números relacionados a emprego de fevereiro.

                        O impacto no setor é mais forte no Rio de Janeiro e em Pernambuco, onde a Petrobras tem forte presença. Mas na avaliação de Dias, as consequências de paralisação de obras em decorrência da crise financeira pela qual passa a petroleira devem ser sentidas em todo o País. Para os empresários, os números dos últimos meses refletem a falta de investimentos e atraso de pagamentos.

                        Ainda segundo dados do Caged, o estoque de empregos com carteira assinada foi reduzido em 10% na construção civil, a maior queda entre todos os setores. Segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada, que falou ao jornalista Carlos Madeiro, do portal UOL, a Petrobras tem contrato com 70% do setor e, por isso, “a Lava Jato é disparado o maior problema” das demissões. Segundo ele, “estamos vivendo uma crise institucional e da engenharia nacional, sem perspectiva a médio prazo”.

                        Em nome do governo, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, defendeu em janeiro que a investigação não prejudicasse o setor econômico, mantendo a preservação das empreiteiras e o andamento das obras. “Economicamente, tem que tomar as medidas necessárias para que o mercado não sofra nenhum abalo. Aliás, é perfeitamente possível o rigor da lei e a saúde econômica”, disse ele, acrescentando que há o “desejo” de não atrapalhar a “vida econômica dos brasileiros”.

                        Já o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato, acredita que só o rompimento das empresas investigadas com o governo acabaria com a corrupção. “A única alternativa eficaz para afastar o risco de repetição dos crimes seria suspender os contratos”, declarou em ofício enviado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), também em janeiro.

                        PPS entra com ação contra acordos de leniência

                        Não bastasse o cenário crítico, o deputado Raul Jungmann (PPS-PE) entrou com um projeto de decreto legislativo contra a regulamentação da Lei Anticorrupção, assinada pela presidente Dilma Rousseff, em que questiona os acordos de leniência que eventualmente serão firmados entre empreiteiras e União.

                        O argumento do partido é o de que a lei, prevendo os acordos de leniência, “beneficia as empreiteiras do petrolão” e permitiria que as empresas “continuassem a fechar contratos públicos e receber empréstimos de bancos estatais. Em troca tácita, as empreiteiras não entregariam Lula e Dilma Rousseff”.

                        Sem acordos, a consequência será a paralisação das obras e, consequentemente, a quebradeira geral das construtoras brasileiras, tornando ainda mais aguda a crise no setor de infraestrutura. Recentemente, o ex-governador paulista Alberto Goldman, do PSDB, chegou a dizer em artigo que uma das condições para um eventual impeachment é a deterioração econômica.

                        Fonte: Portal 247

                        Compartilhe essa notícia:

                          Para Renan, quem patrocinou a recriação do PL foi o próprio governo

                          Renan Calheiros (PMDB-AL)

                          O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) disse em Brasília nesta quinta-feira que foi o próprio Palácio do Planalto quem patrocinou a recriação ao PL (Partido Liberal) para tentar diminuir a força do PMDB.

                          Segundo ele, tentar diminuir a força de um aliado “é um péssimo exemplo” da reforma política que o Congresso pretende realizar.

                          “Nós precisamos acabar com essa farra de criação de novos partidos, principalmente de partidos patrocinados pelo governo que pretendem fazer a fusão para levar aliados. Do ponto de vista da articulação política dos últimos meses, essa foi a pior criação”, disse o senador.

                          O PL já teria recolhido as assinaturas necessárias (490 mil) para o pedido de registro no TSE e o inspirador de sua recriação seria o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, que logo depois o conduziria para uma fusão com o PSD.

                          Ontem, entretanto, a presidente Dilma Rousseff sancionou uma lei de autoria de Mendonça Filho (DEM) que veda a fusão de partidos com menos de cinco anos de registro no Tribunal Superior Eleitoral.

                          Fonte: Inaldo Sampaio

                          Compartilhe essa notícia:

                            Prefeitura de Jaboatão abre vagas para professores temporários

                            A prefeitura da cidade de Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do recife (RMR) abre seleção simplificada para professores temporários.  As inscrições são feitas online no site da Secretaria Executiva de Educação (SEE), nos dias 26 e 27 de março. São oferecidas seis vagas para professor temporário, nas áreas de língua inglesa e para programa de correção de fluxo. A seleção será simplificada.

                            Os docentes precisam entregar a documentação nos dias 30 e 31 e março, das 8h às14h na sede da Secretaria Executiva de Educação, situada na Rua Antônio Ferreira Campos, 2718, em Candeias/Jaboatão dos Guararapes. A contratação dos selecionados é de 12 meses, com a possibilidade de ser renovada por mesmo período.

                            A seleção simplificada visa à contratação temporária de Professor 1, para o exercício do magistério no Programa de Correção de Fluxo Escolar – Projetos Se liga e Acelera Pernambuco. Também há vagas para Professor 2, licenciados para o ensino da disciplina de Língua Inglesa, no Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano. Além de professores para a Educação de Jovens e Adultos – Eja, Módulos IV e V.

                            O edital completo da seleção está disponível no portal da SEE.

                            Compartilhe essa notícia:

                              Câmara deve discutir reforma política em maio, diz Eduardo Cunha

                              Eduardo Cunha (PMDB-RJ

                              O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse nesta quinta-feira (26), em São Paulo, que o debate sobre reforma política deve ser feito, pela Casa, no mês de maio.

                              “Vamos fazer uma semana, que será em maio, para votarmos única e exclusivamente tudo o que tivermos que votar em matéria de reforma política”, disse ele durante o lançamento da campanha “Mais mulheres na política”, na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na capital paulista.

                              Segundo ele, na semana agendada serão votadas questões envolvendo a legislação eleitoral, por exemplo. “De lá sairão algumas alterações, certamente, na legislação eleitoral e na Constituição Federal, que tratam sobre o tema reforma política”, disse ele, ressaltando que as alterações já deverão valer para as próximas eleições, em 2016.

                              Eduardo Cunha enfatizou que serão discutidos sistema de eleição, financiamento de campanha, coincidência ou não de mandatos, se teremos ou não reeleição, como se darão as campanhas e os tempos de campanhas, e “tudo isso estará esclarecido para que, pelo menos, possam valer na eleição de 2016. Para isso, terá que ser tudo votado, promulgado, pelo menos em torno de 30 de setembro, ou sancionado, o que for por lei ordinária, até 30 de setembro deste ano”, explicou.

                              Da Agência Brasil

                              Compartilhe essa notícia:

                                Antônio Campos é nomeado dirigente do PSB em Olinda

                                Ele assume a vice-presidência da legenda ao lado do professor Tales Vital, que será o presidente. Outras sete cidades tiveram os comandos alterados visando às eleições de 2016

                                Antonio Campos

                                Após transferir o domicílio eleitoral para Olinda, o advogado Antônio Campos, irmão do ex-governador Eduardo Campos, ficará à frente do comando do PSB na cidade. Ele assume a vice-presidência da legenda ao lado do professor Tales Vital, que será o presidente.

                                A mudança foi confirmada após o envio de um documento ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE), nessa terça-feira (24), onde a Executiva Estadual da legenda comunica a alteração na direção partidária de oito municípios. O procedimento tem como base reorganizar o PSB nas cidades pernambucanas tendo em vista o pleito eleitoral de 2016.

                                Além de Olinda, também foram alterados os comandos do PSB de Águas Belas, que será presidido pelo ex-vice-prefeito, Agean Tenório; o de Chã de Alegria, pela vereadora Lita Massena; de Ribeirão, pelo ex-candidato a prefeito Marcello Maranhão; de João Alfredo, pelo vice-prefeito Zé Martins; Sirinhaém, por Camila Machado; Pombos, por Manoel Marcos Ferreira; e o Maraial, por Cristina Silva.

                                Fonte: LeiaJá

                                Compartilhe essa notícia:

                                  Moradores de Caixa D’Água denunciam falta de ações de combate à dengue no bairro

                                  Dengue

                                  Os moradores de Caixa D’Água, em Olinda, denunciam o descaso das autoridades com o combate aos focos de dengue no bairro. Somente na Rua Zelândia, seis famílias adoeceram por conta do inseto nas últimas semanas.

                                  “A gente faz o que pode. Estamos tentando até desentupir as canaletas, mas não adianta. A prefeitura tem que fazer alguma coisa. Ninguém aguenta mais viver desse jeito”, ressaltou dona Ednilza Bezerra, de 50 anos, moradora da área.

                                  Fonte: DP

                                  Compartilhe essa notícia:

                                    Sancionada lei que oferece desconto na negociação de imóveis em Paulista

                                    O prefeito do Paulista, Junior Matuto, sancionou nesta quinta-feira (26.03) a Lei 4.525/15 que oferece condições especiais para os contribuintes do município no pagamento do Imposto sobre Transmissão de Bens e Imóveis (ITBI). Agora, os proprietários de residências construídas há mais de dez anos e negociadas no mesmo período podem solicitar desconto de 50% no valor do tributo no ato da regularização junto à Secretaria Municipal de Finanças. Os interessados devem aproveitar a oportunidade até o próximo dia 31 de julho.

                                    O benefício será concedido aos imóveis avaliados em até R$150 mil. Em caso de avaliação superior a esta cifra, o abatimento cai para 25%. A ação faz parte da política de redução da carga tributária no município, que também inclui outras medidas em prol da população, como os descontos oferecidos no pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) 2015.

                                    As residências novas ou aquelas adquiridas recentemente não se enquadram no programa. Para contar com o benefício, os interessados devem atestar o tempo de propriedade do imóvel, através de comprovante de compra e venda, recibo, procuração ou outro meio legal. A documentação deve ser apresentada à Secretaria de Finanças, que fica na Av. Marechal Floriano Peixoto, s/n, Centro, das 7h30 às 13h30.

                                    O desconto oferecido atualmente pelo Fisco municipal não poderá ser cumulativo. Os valores pagos com o ITBI fora do período estabelecido pela lei não serão alvo de restituição.

                                    Compartilhe essa notícia:

                                      Vaga: Gerente de Pós Vendas

                                      Analisar e acompanhar indicadores, elaborar relatórios gerenciais, gerenciar todo o pós-venda, conduzindo a equipe ao alcance das metas e resultados.

                                      Ensino Superior completo em Administração, Ciências Contábeis, Engenharias: Mecânica, Elétrica, Mecatrônica, dentre outras.

                                      Habilidades com o pacote Office e Sistemas Operacionais.

                                      Benefícios e remuneração, assim como outros esclarecimentos, serão dados no primeiro contato com o candidato para agendar a seleção.

                                      Local de Trabalho – Imbiribeira

                                      Interessados enviar currículos para portal.vendas@gmail.com, colocar o nome da vaga no campo assunto.

                                      Compartilhe essa notícia:

                                        Vaga: Auxiliar Administrativo

                                        Necessário Ensino Médio Completo, conhecimento em informática, vivência com atividades administrativas de faturamento, atendimento ao cliente e emissão de notas fiscais.

                                        Horário de trabalho: 7h30 às 18h de segunda a sexta.
                                        Local de trabalho: Jaboatão – Próximo ao Aeroporto

                                        Salário: R$ 900,00 + Plano de saúde + Vale Refeição/Alimentação + Vale Transporte

                                        Interessados enviar currículos com o título da vaga no assunto para o e-mail: rhmrecruta@gmail.com

                                        Compartilhe essa notícia:
                                          background